sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

O Verdadeiro Fim Do Mundo


Os 10 países onde MENOS se trabalhou em um ano para pagar impostos em 2011:

01. Maldivas: 0 horas
02. Emirados Árabes Unidos: 12 horas
03. Bahrein: 36 horas
04. Qatar: 36 horas
05. Bahamas: 58 horas
06. Luxemburgo: 59 horas
07. Omã: 62 horas
08. Suíça: 63 horas
09. Irlanda: 76 horas
10.Seicheles: 76 horas

Os 10 países onde MAIS se trabalhou em um ano para pagar impostos em 2011:

01. Brasil: 2.600 horas ( é mais que o dobro do 2º colocado! )
02. Bolívia: 1.080 horas
03. Vietnã: 941 horas
04. Nigéria: 938 horas
05. Venezuela: 864 horas
06. Bielorrússia: 798 horas
07. Chade: 732 horas
08. Mauritânia: 696 horas
09. Senegal: 666 horas
10.Ucrânia: 657 horas
Fonte: Banco Mundial (Doing Business 2011)

"O Brasil tem a maior carga tributária do mundo para pagar a maior corrupção do mundo"

Hit no YouTube, vídeo de pacientes faz doação de medula crescer 180%

A palhacinha Mel e as pacientes Kauanny, Angelita e Ana Júlia participaram do vídeo

Material com três minutos de duração traz pacientes em tratamento contra o câncer no Hospital Nossa Senhora das Graças, de Curitiba, além de médicos, funcionários e voluntários
"O que não te mata, faz você mais forte!". A mensagem entoada no refrão da música Stronger, da cantora americana Kelly Clarkson, serviu de pano de fundo para um vídeo que tem como objetivo incentivar a doação de medula óssea no Brasil.
O material, de 3m42s de duração, tem como personagens pacientes em tratamento de câncer (especialmente linfomas e leucemias) no Hospital Nossa Senhora das Graças, de Curitiba. Participam também voluntários, familiares, funcionários e médicos da unidade.
O vídeo foi ao ar no YouTube no dia 15 de outubro e já foi visto por quase 540 mil pessoas, o que fez o objetivo ser atingido rapidamente – o número de doadores de medula no hospital cresceu 180%: passou de cerca de 180 por mês para mais de 500.
"A repercussão foi muito grande e muito maior do que podíamos imaginar", diz o médico Paulo Tadeu Rodrigues de Almeida, coordenador do Hemobanco de Curitiba e do Instituto Pasquini, responsável pelos transplantes que são feitos no hospital.


Inspiração. A ideia de fazer o vídeo surgiu dos irmãos Hermes Lima Ribeiro, voluntário no processo do transporte da medula óssea, e Lisando Lima Ribeiro, hematologista pediátrico do hospital. Em julho, Hermes estava em Nova York para buscar uma medula para uma paciente. Por lá, a música Stronger era o hit mais tocado nas rádios.
Hermes ficou com a música na cabeça. Resolveu pesquisar e se surpreendeu ao ver que os dois primeiros vídeos eram o clip da cantora e um feito por pacientes com câncer do Seattle Childrens Hospital, nos EUA. "Eu não tinha ideia de que a música tinha inspirado um vídeo dentro de um hospital de câncer. Mostrei para o meu irmão e ele topou fazermos um vídeo igual."
A ideia foi bem recebida. Crianças e adultos decoraram a letra. A gravação das imagens foi feita por voluntários durante três dias em semanas distintas – a intenção era conseguir reunir o máximo possível de pacientes. "O estado de saúde dos pacientes oscila muito e todos queriam participar. A produção passou a fazer parte da vida deles", diz Hermes.
Kauanny Falavinha Sutil, de 12 anos, é uma das pacientes que participou – ela é a menina que abre e encerra o vídeo, escrevendo a mensagem "Doe Medula Óssea" em uma cartolina.
Kauanny tem um tipo severo de leucemia, precisou com urgência de um transplante, mas não encontrou doador no País. Conseguiu uma bolsa de sangue de cordão umbilical compatível nos EUA, fez o transplante, mas a medula "não pegou".
Se não arrumasse outro doador, poderia morrer. Sem alternativa, sua mãe doou a medula e ela passou por um tipo de procedimento ainda muito novo, chamado haploidêntico, em que só há 50% de compatibilidade entre paciente e doador. Deu certo.
Para Kauanny, a importância de incentivar a doação de medula óssea é aumentar a chance de conseguir um doador compatível – as chances são 1 em cada 100 mil doadores. "Adorei participar do vídeo, só fiquei um pouco nervosa e envergonhada."
Mãe de uma menina de 5 anos, Angelita Pereira Alves, de 35 anos (a moça carequinha que aparece vestindo pijama), também tem leucemia e topou participar. Ela passou por ciclos de quimioterapia, fez a doença regredir e, por enquanto, não precisará do transplante. "A causa é muito maior. Não conhecia a música, precisei improvisar. Fiquei empolgada, dei até uma dançadinha para descontrair. Amei."
Fernanda Bassette estadao

Ameaças a Barbosa: Alto Comando do Exército, sutilmente, manda recado ao governo e ao PT

Alto Comando do Exército reforça esquema de segurança a Joaquim Barbosa, após duas ameaças

O Alto Comando do Exército ratificou ontem que continuará sendo o principal responsável pela segurança pessoal do presidente do Supremo Tribunal Federal. A cúpula militar ainda determinou um reforço no esquema que protege Joaquim Barbosa, depois de detectar pelo menos duas ameaças, nas últimas 48 horas, ao ministro que relatou o processo do Mensalão. Além de escolta, Barbosa agora contará também com vigilância inteligente durante a noite.
A ordem oficial de reforço veio às 14 horas 52 minutos de sábado. O documento reservado foi providencialmente assinado pelo General José Elito, membro do Alto Comando do EB e ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República. Além das ameaças detectadas pela inteligência militar, o reforço foi justificado por um estranho fato burocrático ocorrido na sexta-feira.
Na hora em que Barbosa se preparava para encerrar o expediente no STF, veio uma suposta ordem do Ministério da Defesa para que o pessoal militar que fazia a segurança de Barbosa fosse substituído. A nova orientação seria que Barbosa, após o julgamento do Mensalão, voltaria a contar com a proteção de agentes do Judiciário ou da Polícia Federal. Acontece que os servidores da Agência Brasileira de Inteligência, a serviço do GSI e do EB, resolveram não cumprir a estranha ordem, já que não tinham recebido qualquer comunicado oficial sobre a troca.
Joaquim Barbosa foi para sua residência oficial vigiado por duas diferentes equipes de escolta. Avesso à segurança pessoal, Barbosa reclamou do excesso de pessoal militar com o qual já estava habituado a conviver. Ontem, o conflito de atuação foi desfeito. O General Elito, pessoalmente, reafirmou que só o Alto Comando do Exército ficará responsável por ordens acerca do esquema especial de segurança a Joaquim Barbosa. O serviço continua a ser executado por agentes de inteligência e oficiais do EB.
O esquema funciona no Rio de Janeiro, neste final e começo de semana, onde Barbosa passa o Natal e responde pelo plantão de recesso do Supremo Tribunal Federal. No Ministério da Defesa, estranhamente, ninguém assume de onde veio a ordem para alterar a segurança de Barbosa. Nas entrelinhas, no meio militar, interpreta-se que foi dado mais um sutil recado do Alto Comando do Exército ao governo e, por extensão, ao Partido dos Trabalhadores – cujos dirigentes, publicamente, vêm hostilizando Barbosa e fazendo críticas ácidas ao Poder Judiciário.
Ao que se sabe até agora, a Presidente Dilma Rousseff apenas tomou conhecimento da pequena confusão, mas não teria interferido no conflito entre a EB-Defesa-GSI, mesmo sendo a comandante-em-chefe das Forças Armadas. Não chegou a se configurar uma “crise militar”. Mas a cúpula do EB reafirmou sua independência para tomar decisões que considere de interesse estratégico para a segurança nacional ou para o pleno funcionamento das instituições democráticas. Se os petistas souberem ler, este pingo de decisão dos Generais é uma letra maiúscula de que não se aceitará um desrespeito às regras institucionais e constitucionais.

O recado do EB foi direto: 
 PTralhada, parem de falar e fazer besteiras contra o frágil regime democrático no Brasil.

Cascata do Caracol e chimarrão, o que mais preciso ?

deriusfotoearte

Mensaleiro corrupto e quadrilheiro Zé Genoíno deve assumir mandato de deputado federal na próxima semana


A Secretaria-Geral da Mesa da Câmara recebeu nesta quinta-feira o pedido de renúncia do deputado federal Carlinhos Almeida (PT-SP), o que abre espaço para que o ex-presidente nacional do PT, e réu condenado no julgamento do Mensalão, José Genoino, como corrupto e quadrilheiro, tome posse como parlamentar já na próxima semana. Segundo informações da Câmara, o documento pede a desincompatibilização de Almeida do mandato a partir do dia 1º de janeiro, quando assume como prefeito de São José dos Campos (SP). Genoino foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, a uma pena de 6 anos e 11 meses de prisão em regime semiaberto, mais o pagamento de R$ 468 mil em multas. Ele é o primeiro da lista para assumir um posto na coligação formada nas eleições de 2010, segundo dados levantados pela Câmara. O ex-presidente do PT é o segundo suplente da coligação, mas o primeiro, Vanderlei Siraque (PT-SP), assumiu como deputado federal na vaga deixada por Aldo Rebelo, atual ministro do Esporte. O presidente da Câmara, nano deputado federal Marco Maia (PT-RS), defende que Genoino tem o direito de assumir o posto mesmo após o Supremo ter determinado a perda dos diretos políticos dos condenados no julgamento do Mensalão do PT. Para Maia, as decisões da corte só valem após o processo ter sido transitado em julgado.

1º Encontro de Verão de Motorhomes - Barra do Garças MT

Delator liga Zé Dirceu a grupo criminoso desarticulado pela PF

O ex-ministro José Dirceu 

Ex-auditor que revelou o esquema investigado pela Operação Porto Seguro afirma: mensaleiro tinha interesse em parecer fraudado para favorecer empresa

O delator do esquema de tráfico de influência e comércio de pareceres em órgãos federais desarticulado pela Operação Porto Seguro, da Polícia Federal, afirmou que o ex-ministro José Dirceu, condenado pelo Supremo Tribunal Federal por chefiar a quadrilha do mensalão, teria interesse em processo do Tribunal de Contas da União (TCU) fraudado para favorecer a empresa Tecondi. Em depoimento à PF, o ex-auditor Cyonil da Cunha Borges de Faria Júnior disse que o esquema investigado na Operação Porto Seguro pode envolver mais funcionários do TCU.
Ao relatar conversas que teve com o ex-diretor da Agência Nacional de Águas (ANA) Paulo Rodrigues Vieira, preso pela PF e apontado como chefe da quadrilha, Cyonil disse ter ouvido dele comentário sobre o ex-titular da Casa Civil. "Recordo-me que Paulo sempre falava que era o César (Carlos César Floriano, dono da Tecondi) que iria fazer contato quanto ao assunto do parecer favorável à Tecondi, sendo que, inicialmente, mencionara que José Dirceu tinha interesse no andamento do processo", disse.
O depoimento, em 25 de julho de 2011, foi o segundo prestado pelo ex-auditor, delator do esquema. Ele não foi perguntado e não deu mais detalhes sobre o envolvimento de Dirceu. Cinco meses antes, Cyonil já citara aos federais a existência de um "suposto esquema de fraudes a licitações e contratos" no âmbito do TCU, com participação de funcionários da Secretaria Técnica e dos gabinetes do ministro José Múcio e do ex-ministro Marcos Vinícius Villaça.
Villaça era relator de um processo sobre irregularidades no arrendamento de área no Porto de Santos pela Tecondi. O terreno de 170.000 metros quadrados, cedido pela Companhia Docas de São Paulo (Codesp), não pôde ser ocupado por falta de licenças ambientais. Com isso, a companhia liberou outros lotes, que não haviam sido licitados - para o TCU, a medida não tem base legal.
Em 2007, Cyonil deu parecer contrário à Tecondi. Dois anos depois, Múcio assumiu a relatoria e determinou nova inspeção. Segundo o inquérito, nessa época, Paulo Vieira, então ouvidor da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), ofertou 300.000 reais a Cyonil para que fizesse parecer favorável à empresa. O ex-auditor disse à PF que recebeu 100.000 reais, mas devolveu o dinheiro e nega ter se corrompido.
O TCU informou na segunda-feira não ter localizado Múcio. Em nota, disse que acompanha o desenrolar do processo. "Quando oficialmente tomar conhecimento do conteúdo do inquérito, poderá adotar as medidas que se fizerem necessárias." O advogado José Luís Oliveira Lima, que representa Dirceu, não quis comentar o caso, pois não teve acesso ao depoimento.

Batman e o desarmamento civil


- Mas Batman, o Governo ta pedindo pras pessoas entregarem as armas de fogo.
- Deixe de ser tonto, Robin, cê acha que bandido vai devolver alguma coisa? O Governo quer é desarmar os cidadãos.
- Mas armas são perigosas...
- Tome! Perigoso é me deixar furioso. Com tanto bandido armado por aí, quem vai proteger a casa das pessoas? O ministro da Justiça?
- Mas Batman...
- Não seja teimoso, sempre que um governo desarma a população surgem tentações perigosas. Por que é que não desarmam e prendem os bandidos e deixam a população trabalhadora em paz? 

Jornal britânico "Financial Times" chama Dilma Rousseff de 'rena do nariz vermelho do Natal'


O desempenho da economia brasileira foi satirizado no conto de Natal do blog beyondbrics, do jornal britânico "Financial Times", sobre os países emergentes.
Estrelando o bate-boca com o próprio Papai Noel, apareciam a presidente Dilma Rousseff, caracterizada como a rena do nariz vermelho, e o ministro Guido Mantega (Fazenda), como "Guido, o "elfo vidente".
No conto, o Papai Noel afirma que os personagens deste Natal são os mesmos de 2011, exceto pela mudança do representante da América Latina --sai Dilma e entra Enrique Peña Nieto, novo presidente do México-- e pelo novo líder chinês Xi Jinping.
"Você não pode me rebaixar!", protestou Dilma. "O que me diz sobre meu maravilhoso nariz vermelho?"
"É o seu nariz vermelho o problema. As crianças pensam que você é socialista. Quem confia em um socialista para trazer brinquedos?", responde o Papai Noel.
Indignada, Dilma lembra que o líder chinês é ainda pior por ser comunista.

Reprodução 
Brasil estrela conto de Natal do blog beyondbrics, do "Financial Times", sobre emergentes

"Mas ele diz as coisas certas", retrucou Papai Noel, ao lado do chinês que clamava a "luta contra a corrupção".
Dilma retruca dizendo que seus "chifres" são os "sextos maiores" do mundo, quando é interrompida pelo premiê britânico David Cameron reivindicando a posição --o Brasil perderá o posto de sexta economia para a Inglaterra.
Então, a presidente brasileira explode: "Por que motivo meus chifres não crescem mais rapidamente?"
Nesse momento, entra o ministro Guido Mantega, caracterizado como o "Elfo vidente", garantindo que os chifres da presidente crescerão um metro em 2013.
Dilma cobra explicação sobre como chegou à previsão.
"Tive um estalo. Perguntei as previsões de todos os outros elfos e multipliquei por dois", respondeu Mantega.
"Oh, Guido, por que será que eu não te demito?"
"Não seria porque a revista 'Economist' pediu isso?", responde o ministro.

Vai dar perda total!

E, nesses casos, o seguro não cobre...

Vazamento da Petrobras joga 300 litros de oleo diesel no mar da bacia de Campos RJ


Um vazamento durante uma operação de abastecimento da plataforma Cidade de Anchieta, da Petrobras, jogou no mar 300 litros de óleo diesel na terça-feira (25) na bacia de Campos. O vazamento já foi contidos.
A plataforma Cidade de Anchieta foi inaugurada em novembro pela presidente da Petrobras, Graça Foster, e opera no pré-sal do campo de Baleia Azul. O campo fica no complexo "Parque das Baleias", na porção capixaba da bacia de Campos.
De acordo com o Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente), somente acidentes que envolvam volumes acima de 8.000 litros de óleo são passíveis de multa.
A plataforma é afretada à Petrobras pela SBM e está a 85 km da costa, informou a estatal.
O navio-plataforma Cidade de Anchieta tem capacidade para produzir 100 mil barris de petróleo e 3,5 milhões de metros cúbicos de gás por dia, volume que deve ser alcançado em fevereiro de 2013.
Segundo a Petrobras, o vazamento foi identificado no dia 25, por volta das 21h10. "Assim que a ocorrência foi identificada, a Petrobras acionou seu Plano de Emergência e mobilizou uma embarcação especializada em recolhimento de óleo. O vazamento foi contido imediatamente e não foi identificada mancha de óleo no entorno da unidade marítima", disse a estatal.
Segundo a Petrobras, a ocorrência foi comunicada aos órgãos competentes e a empresa instaurou uma comissão técnica para analisar as causas do vazamento.
Denise Luna folha

Sorrio - estou sendo filmado


Sem andar, sedado e com sonda no nariz, Hugo Chávez corre risco de morrer de câncer em Cuba



O estado de saúde de Hugo Chávez Frias é praticamente irreversível. O Presidente da Venezuela não terá condições de assumir seu próximo mandato porque está à beira da morte. Corre o risco até de morrer em Cuba ou na viagem de volta a seu país. Chávez já sofreu quatro cirurgias em um ano e meio. O Foro de São Paulo – organização transnacional que coordena as ações visíveis e ocultas da esquerda na América Latina e Caribe – se prepara para sofrer sua maior perda, desde a “aposentadoria” forçada de Fidel Castro.
Hospitalizado em Cuba, Hugo Chávez não consegue mais andar, por causa de um câncer na medula. Seu estado de consciência é prejudicado por causa das fortíssimas injeções de narcóticos contra as dores que sente. Ele não tem como tomar decisões por causa dos pesados sedativos. Para piorar, Chávez também não consegue mais digerir alimentos e absorver nutrientes por causa do estágio avançado de seu câncer no intestino. Além de sedado a maior parte do tempo, Chávez tem de suportar o incômodo de uma sonda nasogástrica para ser alimentado.
Estas são as informações que circulam em fóruns internacionais de medicina. Foi um total fracasso a cirurgia a que o líder da revolução bolivariana se submeteu em Cuba – onde a mentira socialista alimenta o mito de ser um paraíso da medicina. Além de perder muito sangue, Chávez teve mais complicações e suas dores se intensificaram. Tomografias recentes mostram que não funcionou a tentativa de descompressão medular. Tecnicamente, Chávez está paralítico. Não consegue andar e, mesmo sentado, sofre com as dores.
Agora, o caso mais complicado é o avanço do tumor no íleo – que é a terceira parte do intestino delgado, entre o jejuno e o ceco. O íleo de Chávez não funciona. Por isso, os médicos cubanos apelam para a sonda nasogástrica, mas sem chances de muito sucesso. Como não consegue absorver nutrientes, por causa do câncer, Chávez entra em fase terminal. Ele pode morrer de septicemia por causa translocação bacteriana pela corrente sanguínea.
No entanto, a VTV (canal oficial de televisão da Venezuela) insiste em contar a mentira socialista de que Chávez “melhorou e até faz exercícios físicos”.
Na Venezuela, o clima de instabilidade política esquenta, porque a censura encobre as verdadeiras informações sobre o real estado de saúde de Chávez. A oposição já cobra a formação de uma junta de médicos independentes para avaliar o quadro clínico do presidente – o que o governo não aceita. O temor oficial é que se comprove que Chávez não tem a menor condição de assumir um novo mandato.

Sentindo o perigo
O esquema bolivariano já sabe que não pode mais contar com Chávez.Um decreto da Presidência da Venezuela delegou ao vice-presidente do país, Nicolás Maduro, as atribuições governamentais na área econômica. 
O objetivo é dar “mais rapidez e eficácia” à administração pública na ausência de Hugo Chávez.
Jorge Serrão alertatotal

Entrevista de Emprego

- Seu nome?
- LUIZ.
- Escolaridade?
- Terceiro grau compreto!
- Vamos começar com perguntas simples, conhecimentos gerais, história, geografia, ciências, personalidades.
- Quem foi Stalin?
- Um cara que cantava estalando os dedos.
- E Lênin?
- Tocava nos Beatles.
- O senhor não quer dizer Lennon?
- Esse fazia dupla com a Lilian.
- Ah... Leno!
- Não... Cantano. (rsrss) 
- Vamos mudar de assunto. O que é equação?
- É a arte de montar uma égua.
- E equitação?
- É quando a gente paga todas a nossas dívidas.
- O que é um quelônio?
- É um tipo de mineral radioativo.
- Não seria plutônio?
- Não... esse é o nome completo do cachorro do Mickey.
- O que é fotossíntese?
- Denominação técnica para um retratinho 3 x 4.
- O que é um símio?
- Um cara que nasceu na Símia.
- Na Símia? E qual é a capital da Símia?
- Nessa tu me pegou: não me lembro agora.
- Quem era Pancho Vila?
- Companheiro de Dom Caixote.
- O que é um caudilho?
- Um osso que tem na ponta da coluna e segundo os cientistas, comprova que o homem tinha rabo e descende do macaco.
- Onde fica a vesícula?
- Debaixo da clavícula.
- Onde ficam os glúteos e para que servem?
- Ficam na garganta e servem para engolir.
- Onde fica o baço?
- Não é baço. É braço. São dois e ficam antes das mãos.
- Para que servem as fibras óticas?
- Para movimentar os olhos.
- Onde fica o Triângulo das Bermudas?
- Qualquer costureira sabe: entre o cós e o gavião.
- Quem descobriu a Lei da Gravidade?
- Um médico ginecologista francês, o Dr. Jeckyl.
- Putz! E quem foi Sócrates?
- Sócrates? Jogou na seleção. Tá vendo? Também conheço futebol; não é por ser curintiano que tenho que sé inguinorante!
Pois não é que o cara foi aprovado e admitido. ! ! ! 
Trabalhou um ano, perdeu o dedinho da mão esquerda, aposentou.
Foi para o sindicato e, bem... resto todo mundo sabe no que deu. !!!

Apagão no Aeroporto Internacional Tom Jobim no Rio de Janeiro

RJ: Aeroporto Tom Jobim fica sem luz
Apagão que atingiu o Galeão teve duração de duas horas

O Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, ficou às escuras na noite desta quarta-feira (26). A falta de energia elétrica causou atraso nos pousos e decolagens. Segundo a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), o fornecimento de energia foi totalmente normalizado por volta das 22h30.
Ainda de acordo com a empresa que administra os principais aeroportos do país, durante 40 minutos os pousos e decolagens foram interrompidos devido à falta de luz, o que provocou atraso nos voos. O problema aconteceu por volta das 21 horas. O gerador foi acionado, mas durante cerca de uma hora e trinta minutos algumas partes do aeroporto ficaram sem luz. A Infraero esclareceu que o gerador precisa de tempo para estabelecer seu funcionamento pleno.
Em nota, a Light, concessionária responsável pela rede elétrica no Rio de Janeiro, informou que um defeito no equipamento que pertence a subestação do Galeão causou o desligamento da linha de transmissão que atende a Ilha do Governador e a Ilha do Fundão, locais afetados pela queda de luz.
Segundo a Light, técnicos do aeroporto e da concessionária, investigarão as causas do efeito. No twitter oficial da empresa muitos moradores das localidades afetadas se queixaram da queda de energia, comentando especialmente o distúrbio na noite do dia em que temperatura na cidade foi a mais quente registrada na história.
uol 

Miragem

Realmente Apagões são devidos a falha humana - Afinal Dilma é humana


Nem raios nem falta de investimento. Para a presidente Dilma Rousseff os apagões que têm deixado diferentes Estados às escuras por horas são resultado de "falha humana". Ela admite ainda que, apesar dos investimentos em produção e transmissão, houve uma redução nos gastos com manutenção. 
"O dia em que falarem para vocês que é raio, gargalhem. Cai raio todo dia nesse país. Raio não pode desligar o sistema, se desligou é falha humana", disse a presidente na manhã desta quinta-feira (27), durante café da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto.

Realmente, os inúmeros apagões que temos visto no Brasil nos últimos tempos são resultado de falha humana.
Falha de Dilma Rousseff, acreditem se quiser, ela é humana. Faltam investimentos na área de geração e distribuição de energia elétrica, Dilma, como sempre, só sabe jogar a culpa nos outros, aliás comportamento típico dos nazi-petralhas.
Quando a bomba estoura, ou eles não sabiam de nada, ou foram apunhalados pelas costas ou a culpa é de alguma outra pessoa, certamente no lado mais fraco.
Se há acertos no governo, assumem para si os louros dos acertos. Vejam por exemplo o Plano Real que apesar da oposição do PT deu certo e fez com que o desnível social no Brasil fosse reduzido. Quem iniciou o Plano Real foi Itamar Franco e Fernando Henrique, mas Lula assume para si os louros.
Precisamos no Brasil de governantes honestos, éticos que não tenham medo de assumir os erros e reconhecer os acertos mesmo que forem acertos de outros.
Já estamos cansados desta demagogia populista dos nazi-petralhas. 

Você não recebeu presente de Natal?

video
Veja porque o Papai Noel se esqueceu de você

Vaca é violentada sexualmente e morta em propriedade rural de Cruz das Almas BA.


Uma vaca foi violentada e morta dentro de uma propriedade rural que fica na localidade do Alto da Embira, município de Cruz das Almas na Bahia. 
O proprietário do animal, que prefere não revelar o nome, disse que o criminoso amarrou a vaca com uma corda e prendeu em uma árvore com objetivo de manter relação sexual com animal, deixando pra trás vestígios de sêmen no couro da vaca. 
Segundo a publicação, o fato causou revolta e deixou assustados alguns moradores da localidade ao descobrirem que animal se debateu antes de morrer amordaçado.
A Polícia Civil já localizou um suspeito, mas o nome não foi revelado para não atrapalhar as investigações.

Guia de viagem. Planeje suas férias.

No governo Dilma “apagão” deve ser chamado de “risco de interrupção de energia elétrica”

Apagões têm atingido vários estados durante o governo Dilma.

A presidente Dilma jamais irá admitir que o Brasil ainda sofre com apagões. Afinal, recentemente ela criticou a gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso por conta da crise nacional de 2001. Pra logo em seguida, em outubro passado, queimar a língua porque um apagão deixou 11 estados sem luz. Este mês, um blecaute atingiu parte dos estados do Rio, São Paulo e Minas Gerais. 
Na noite de quarta-feira, o problema voltou a assombrar o Rio. Um defeito em um transformador da subestação do Aeroporto do Galeão deixou a Ilha do Governador totalmente às escuras. 
Diante de tantos problemas, Dilma não teve como negar que ainda existem riscos de interrupção de energia elétrica. Mas preferiu não usar o termo “apagão”. Afinal, apagão era só na época da oposição. 

Reprodução Revista Isto É - 27/12/2012

Kombi sairá de linha em 2013, mas terá substituta

Utilitário mais antigo do Brasil terá produção encerrada. 
Sucessora não será modelo vendido pela Volks no mercado europeu; preço inicial será igual ao da atual

A Kombi, primeiro veículo produzido pela Volkswagen no Brasil e que continua sendo fabricado até hoje, será descontinuado no final de 2013. O motivo que levará ao encerramento da vida do utilitário mais antigo do País é o não cumprimento das exigências de segurança, que passam a vigorar a partir de 2014 e obrigam os veículos novos comercializados no Brasil a terem airbags e freios ABS.
As informações passadas ao Carsale, de forma exclusiva, por uma fonte ligada à fabricante alemã colocam um ponto final nas especulações sobre o futuro da Kombi e adiantam detalhes sobre os próximos passos que a marca pretende seguir.


De acordo com o informante, “a Kombi como conhecemos hoje não será mais fabricada”. Mas isso não significa que Volkswagen acabará com a história da Velha Senhora. A fabricante já está trabalhando em um modelo substituto.
Pensando no fiel público consumidor do utilitário, que preza por uma boa relação custo-benefício e baixo custo de manutenção, o novo veículo, que atenderá as exigências da legislação, deve chegar com preço praticamente igual ao do atual modelo. E para quem quiser algo mais sofisticado também serão oferecidas versões com mais equipamentos e que elevarão o valor do veículo.

Pistas sobre a sucessora


Esqueça tudo o que você sabe sobre o primeiro utilitário brasileiro. A sucessora da Kombi será totalmente diferente. Inclusive, não será desenvolvida pelas mãos dos engenheiros da Volkswagen. Isso quer dizer que a vinda de um dos modelos vendidos pela Volkswagen no mercado europeu está descartada. De acordo com a fonte, a fabricante alemã comprará a patente de um carro criado por outra empresa e o venderá com o logo da VW.
No entanto, não conseguimos confirmar se o veículo será desenvolvido exclusivamente para a Volks ou se já existe e é comercializado em outros mercados – como a Renault faz atualmente no Brasil, vendendo com a sua marca os carros da romena Dacia.

Curiosidades sobre a Kombi


- A Kombi surgiu da ideia de criar um veículo de carga com peças usadas no Fusca. O projeto foi liderado pelo holandês Ben Pon, em 1947. E em 8 de março de 1950 a primeira unidade da Kombi saiu da linha de produção da fábrica de Wolfsburg, na Alemanha.
- Sabe o que significa Kombinationsfahrzeug? Essa sopa de letrinhas é o nome original do veículo. Em alemão, quer dizer “combinação de veículos”.
- Em 2 setembro de 1957 começava a produção da Kombi no Brasil. Na época, o índice de peças nacionais era de 50%. Na década de 1960 a nacionalização passou para 95%.


- A versão de seis portas surgiu aqui em 1961 e, em 1967, chegava a configuração picape com motor 1.5 litro. A nova frente e o motor 1.6 estrearam em 1976. A dupla carburação chegou em 1978 e, no ano seguinte, o motor podia ser refrigerado a água. Na década de 1980 surgem as variantes a diesel e a álcool. Em 1997, surge a porta corrediça e desenho mais atual. Em 2006, estreia o motor 1.4 flex, que equipa a Kombi no Brasil até hoje.
- Atualmente, a Kombi tem 55 anos de produção no Brasil e 62 anos de fabricação mundial. A Velha Senhora, será aposentada com 56 anos de Brasil e aos 63 anos de idade; o Fusca teve sua produção encerrada mundialmente aos 65 anos.
Larissa Florêncio carsale

Lixo em Caxias, é um tapa na dignidade do cidadão caxiense.

Amigos: O Governador é surdo, cego ou cínico?

Me parece que no dia 28/12, vai acontecer um mutirão em Caxias.

Se nós, moradores de Caxias, não assumirmos a luta por uma cidade limpa a vaca vai para o brejo. Precisamos pressionar o Governador Sérgio Cabral, para uma intervenção em Caxias. Ele precisa agir rápido antes que uma epidemia nos atinja. Ele tem que tomar uma atitude de Governador e Homem. Vamos escrever para ele. Pressionem - gritem! Ele tem que nos respeitar. Ou faremos uma manifestação de MACHOS E "MACHAS" em frente ao palácio. Vamos à luta moradores de Caxias, por uma CIDADE LIMPA.E RESPEITADA.

Alexandre Cardoso, assuma sua responsabilidade.
Desde do momento que o Prefeito Zito decretou a falência de Caxias, através do abandono que nos encontramos, que tenho colocado no Facebook, Orkut e outros meios sociais, da importância do Sr. Alexandre Cardoso, eleito Prefeito nas eleições passadas, assumir uma postura de líder e assumir, desde já, a responsabilidade das demandas de Caxias. O que está acontecendo com Duque de Caxias ultrapassa o limite da Lei. A questão hoje é de CALAMIDADE PÚBLICA. Queremos começar o ano de 2013 com limpeza. Escrevi para o Sr. Alexandre Cardoso; para o vice prefeito, Sr. Laury; e várias autoridades de Caxias. Somos uma Cidade de HOMENS OU DE PARASITAS? Teve um vereador, bom sujeito, que me chamou de sem noção só porque estou exigindo uma intervenção em Caxias. É melhor ser sem noção do que ser covarde e sem iniciativa. 
Sem mais...
Edson de Sá Nunes - Católico Praticante.
Duque de Caxias - RJ, 27 de dezembro de 2012.

28 de Dezembro - Dia da Marinha Mercante


quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

A Vida Sexual de Lula

O assunto está ficando algo batido, mas esta abordagem é interessante porque vai aos Estados Unidos 
e volta ao tempo do Brasil império, e o estilo da redação é dos mais leves.

Para o PT e o governo, vale tudo na tentativa de defender o comportamento amoroso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O primeiro caso que está sendo recordado é o romance do então presidente Fernando Henrique Cardoso com a repórter Miriam Dutra, que lhe rendeu o reconhecimento de um filho que recentemente o DNA mostrou que não era dele.
O affaire com FHC, aliás, foi ótimo para a jornalista, que não apenas tornou o filho detentor de uma herança milionária, mas ela própria passou a desfrutar de uma sinecura perpétua na Espanha, onde há décadas vive sem trabalhar, mas recebendo salário da TV Globo, que no caso agiu como alcoviteira, digamos assim.
Para justificar Lula, seus fanáticos seguidores citam também o ex-presidente John Kennedy, que não podia ver mulher e teve caso até com uma brasileira, a lindíssima Regina Léclery. Eles não esquecem – é lógico – de Bill Clinton e sua estagiária gordinha, a Monica Lewinsky, que gostava de fumar charuto agachada no Salão Oval da Casa Branca, vejam só como os políticos são criativos.
Nessa ânsia de arranjar desculpas para Lula, daqui a pouco os jornalistas amestrados que vivem à custa do governo, certamente, vão lembrar de Juscelino Kubitschek e sua paixão pela belíssima socialite Lucia Pedroso. E acabarão citando também dom Pedro I e a romântica Domitila de Castro, a Marquesa de Santos, para mostrar que a História é rica em infidelidades governamentais. Mas, na verdade, não é disso que se trata no caso Lula/Rose.
###
ÀS CUSTAS DO GOVERNO
O problema atual não pode ser encarado como um simples episódio romântico, digno de privacidade e até compreensão. As críticas que são feitas a Lula nada têm a ver com amor ou sexo, que é um problema a resolver sozinho com a esposa, Marisa Letícia, com Lula explicando à ex-primeira-dama por que deixou de levá-la em 24 viagens internacionais, nas quais foram visitados 32 países, preferindo no próprio avião presidencial a companhia da segunda-dama, com passaporte diplomático, ganhando diárias e tudo o mais.
Analisada em profundidade, a questão de Lula é muito mais penetrante. Afinal, se um governante jamais deve tomar decisões que o beneficiem pessoalmente, como justificar que nomeie a própria amante para ficar junto a ele? Foi justamente o que ocorreu.
Esse é o fato. Usando recursos públicos, o então presidente da República criou por decreto um órgão público exclusivamente para alojar a concubina e tê-la mais próxima, como sua assessora imediata e direta, colocando-a à frente de um pretenso Gabinete da Presidência da República em São Paulo, tão dispensável que acaba de ser extinto pela sucessora Dilma Rousseff.
E o pior é que Lula não somente criou a desnecessária função exclusivamente para abrigar Rosemary Nóvoa Noronha, com carro oficial e três assessores, mas também conferiu a ela poderes republicanos de influir na formação e nos negócios do governo e a indicar autoridades para altos postos nas Agências reguladoras e no Banco do Brasil (cavando financiamentos milionários para a empresa do ex-marido). Essa é a realidade, como se comprova nos e-mails publicados diariamente pela imprensa.
Nem FHC, nem Kennedy, nem Clinton, nem JK, nem dom Pedro I ousaram tanto. Como diz o próprio Lula, jamais, na História deste país, um governante se comportou tão idiotamente como ele.
E ficou explicado por que a Polícia Federal desistiu de grampear as ligações telefônicas entre Rose e Lula. Os assuntos tratados realmente só interessam aos dois. É coisa de vida privada, não deve mesmo ter divulgação, e o país não merece passar por tanto constrangimento e tanta humilhação.

NL. 
Enquanto se discute se Lula era o "Bebê de Rosemary", o "Bobo de Rosemary", o "Bebum de Rosemary" ou o "Babaca de Rosemary", uma coisa é certa: do jeito que ela mandava e desmandava no Banco do Brasil, aquele banco, com certeza era o "BB de Rosemary" (Fernando A. G.)

Carlos Newton lilicarabinabr

Mais um amigo de Lula envolvido em falcatrua: Eike Batista

video
Eike Batista é investigado pela Polícia Federal. 
Dinheiro vem das riquezas do Brasil e do povo.

Catarina Migliorini, jovem catarinense que leiloou virgindade, é capa da Playboy de Janeiro.


Catarina Migliorini, a brasileira que leiloou a virgindade, é capa da revista Playboy de janeiro. Um japonês arrematou a grande noite com a catarinense por US$ 780 mil.
Segundo o site da Playboy, ela contou que o ato seria consumado em pleno ar, mas tudo está aguardando decisão judicial para o acordo ser consumado.
A repercussão em volta do nome de Catarina foi tamanha que até no mundo da moda ela virou notícia. Em novembro deste ano, no Fashion Rio, a grife TNG resolveu inserir a moça no casting do desfile da marca. Quando ouviu que a novidade seria vista com maus olhos pelos clientes e, diante da rejeição, o diretor da grife decidiu cancelar a participação da catarinense.
Na Austrália, a jovem filma o documentário Virgins Wanted, que narra toda a história do leilão. Em entrevista à apresentadora Ana Maria Braga, Catarina contou que viu a proposta do diretor australiano de produzir um documentário que abordava a virgindade. "Resolvi enviar um e-mail, por impulso. Não imaginei que ele fosse responder", disse ela.
A revista também traz uma entrevista com o diretor Quentin Tarantino, que está prestes a estrear o western Django Livre. Além disso, haverá um ensaio das melhores namoradas de Hugh Hefner.

Efeitos do casamento

Joaquim Barbosa lá

.
Pela primeira vez um instituto de pesquisa testa o nome do ministro Joaquim Barbosa, do STF (Supremo Tribunal Federal), para a disputa presidencial de 2014. Na sondagem, feita pelo Ipespe, 24% dizem que votariam nele "com certeza" e 26% dizem que poderiam votar -numa soma que chega a 50% do eleitorado. 

QUEM É ELE? 
Na pesquisa, feita por telefone com mil eleitores em todo o país, 15% dizem que não votariam em Barbosa "de jeito nenhum". E 31% afirmam que não o conhecem "o suficiente para opinar". A sondagem será divulgada hoje num encontro de juízes em Florianópolis (SC). 

DILMA VERSUS JOAQUIM 
Os técnicos do instituto alertam para o fato de o nome de Barbosa não ter sido apresentado em tabela com outros candidatos. A pergunta ao eleitorado lembra apenas que "as pessoas poderão reeleger Dilma Rousseff ou votar em outros candidatos". E pergunta o que elas fariam se Barbosa se candidatasse. 

BALANÇA 
O ministro do STF consegue maior percentual no Nordeste (28%). No Sul, tem 17%" 
E você??? Votaria nele???
Mônica Bérgamo 

Por quê...?

Você sabia isto sobre "vestidos de couro"?

Sabia que quando uma mulher usa vestido de couro, o coração do homem bate mais rápido, a garganta fica seca, os joelhos enfraquecem e ele fica irracional.
Já pensou por quê...?
É porque ela fica com cheiro de CARRO NOVO!

Maranhão - O Estado do medo

Em meio ao processo do mensalão, as diversas operações da Polícia Federal 
ou a turbulenta relação entre os poderes da República, o Brasil esqueceu do Maranhão

Na fase final da guerra contra Canudos, em 1897, os oficiais militares costumavam dizer que não viam a hora de voltar para o Brasil.
Quem hoje visita o Maranhão fica com a mesma impressão. É um estado onde o medo está em cada esquina, onde as leis da República são desprezadas.
Lá tudo depende de um sobrenome: Sarney. 
Os três poderes são controlados pela família do, como diria Euclides da Cunha, senhor do baraço e do cutelo. A relação incestuosa dos poderes é considerada como algo absolutamente natural. 
Tanto que, em 2009, o Tribunal Regional Eleitoral anulou a eleição para o governo estadual. O vencedor foi Jackson Lago, adversário figadal da oligarquia mais nefasta da história do Brasil. 
O donatário da capitania - lá ainda se mantém informalmente o regime adotado em 1534 por D. João III - ficou indignado com o resultado das urnas. A eleição acabou anulada pelo TRE, que tinha como vice-presidente (depois assumiu a presidência) a tia da beneficiária, Roseana Sarney. 
No estado onde o coronel tudo pode, a Constituição Federal é só um enfeite. 
Lá, diversos artigos que vigoram em todo o Brasil, são considerados nulos, pela jurisprudência da famiglia . O artigo 37 da nossa Constituição, tanto no caput como no §1º, é muito claro. Reza que a administração pública "obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência" e "a publicidade dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos deverá ter caráter educativo, informativo ou de orientação social, dela não podendo constar nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos". 
Contudo, a Constituição maranhense, no artigo 19, XXI, § 9º determina que "é proibida a denominação de obras e logradouros públicos com o nome de pessoas vivas, excetuando-se da aplicação deste dispositivo as pessoas vivas consagradas notória e internacionalmente como ilustres ou que tenham prestado relevantes serviços à comunidade na qual está localizada a obra ou logradouro". 
Note, leitor, especialmente a seguinte passagem: "excetuando-se da aplicação deste dispositivo as pessoas vivas e consagradas notória e internacionalmente como ilustres". 
Nem preciso dizer quem é o "mais ilustre" daquele estado - e que o provincianismo e o mandonismo imaginam que tenha "consagração internacional."
Contudo, a redação original do artigo era bem outra: "É vedada a alteração dos nomes dos próprios públicos estaduais e municipais que contenham nome de pessoas, fatos históricos ou geográficos, salvo para correção ou adequação nos termos da lei; é vedada também a inscrição de símbolos ou nomes de autoridades ou administradores em placas indicadores de obras ou em veículos de propriedade ou a serviço da administração pública direta, indireta ou fundacional do Estado e dos Municípios, inclusive a atribuição de nome de pessoa viva a bem público de qualquer natureza pertencente ao Estado e ao Município".
Quando foi feita a mudança? A 24 de janeiro de 2003, com o apoio decisivo de Roseana Sarney. 
Desta forma foi permitido que centenas - centenas, sem exagero - de logradouros e edifícios públicos recebessem, em todo o estado, denominações de familiares, especialmente do chefe. 
Para mostrar o desprezo pela ordem legal, em 1997 foi criado o município de Presidente Sarney, isto quando a Constituição Federal proíbe e a estadual ainda proibia.
Quem criou o município? 
Foi a filha, no exercício do governo. Mas a homenagem ficou somente na denominação do município. Pena. Os pobres sarneyenses - é o gentílico - vivem em condições miseráveis: é um dos municípios que detêm os piores índices de desenvolvimento humano no Brasil. 
Como o Brasil esqueceu o Maranhão, a família faz o que bem entende. E isto desde 1965! Sabe que adquiriu impunidade pelo silêncio (cúmplice) dos brasileiros. Mas, no estado onde a política se confunde com o realismo fantástico, o maior equívoco é imaginar que todas as mazelas já foram feitas.
Não, absolutamente não. 
A governadora resolveu fazer uma lei própria sobre licitação. Como é sabido, a lei federal 8.666 regulamenta e tenta moralizar as licitações.
Mas não no Maranhão.
Por medida provisória, Roseana Sarney adotou uma legislação peculiar, que dispensa a "emergência", substituída pela "urgência". 
Quem determina se é ou não urgente? 
Bingo, claro, é ela própria. 
Não satisfeita resolveu eliminar qualquer restrição ao número de aditivos. Ou seja, uma obra pode custar o dobro do que foi contratada. E é tudo legal. 
Não é um chiste.
É algo gravíssimo. 
E se o Brasil fosse um país sério, certamente teria ocorrido, como dispõe a Constituição, uma intervenção federal.
O que lá ocorre horroriza todos aqueles que tem apreço por uma conquista histórica do povo brasileiro: o Estado Democrático de Direito. 
O silêncio do Brasil custa caro, muito caro, ao povo do Maranhão.
Hoje é o estado mais pobre da Federação. Seus municípios lideram a lista dos que detém os piores índices de desenvolvimento humano.
Muitos dos que lá vivem lutam contra os promotores do Estado do medo. Não é tarefa fácil. 
Os tentáculos da oligarquia estão presentes em toda a sociedade. É como se apresassem para sempre a sociedade civil. 
Sabemos que o país tem inúmeros problemas, mas temos uma tarefa cívica, a de reincorporar o Maranhão ao Brasil. 
Marco Antonio Villa resistenciademocraticabr

Questão de visão

Zé Sarney é tão safado que ele vai contra a sua própria história nos caso da nova lei dos royalties do petróleo

Sem comentários, a matéria abaixo já diz tudo.
Em tempo, qual a história de Sarney ?

Ao colaborar para o arrastão contrcontra a sua pra Rio de Janeiro e Espírito Santo, o senador José Sarney (PMDB-AP) atacou a própria história. Em 1985, ele, na Presidência da República, sancionou a Lei 7.453 que criou pagamento de royalties pelo petróleo retirado do fundo do mar.
Antes, estados só recebiam indenizações pelo petróleo extraído em terra. A lei, aprovada no Congresso Nacional, fixou que os beneficiários seriam estados e municípios “confrontantes”, ou seja, em áreas diante dos poços, ou afetados por operações de embarque e desembarque de óleo.

Distribuição
De acordo com a lei, uma parte dos royalties iria para oMinistério da Marinha e uma outra seria destinada para todos os demais estados e municípios. Em 1989, Sarney assinou outra lei, a 7.990, que manteve os critérios de distribuição das indenizações.

Vingança
O deputado estadual Pedro Fernandes (PMDB) vai apresentarprojetos para cassar homenagens da Assembleia Legislativa aos governadores Eduardo Campos e Jacques Wagner, que conspiram contra os royalties do Rio.

Vem ai um filme da pesada

Como não divulgar uma notícia


Não é de hoje que critico a falta de apego de alguns jornalistas às regras da lei e do bom senso. Isso também acontece em muitos blogs. Um exemplo do que digo:
Ora, não precisa ser especialista para saber que estrangeiro não pode exercer os direitos políticos no Brasil (é assim no mundo inteiro e aqui só há umaexceção – com regras rígidas – para portugueses). Mas veja a notícia divulgada hoje pelo jornal Folha de São Paulo e republicada pelo site UOL:


Claro, na reportagem explica-se que houve naturalização. Ora, se o cidadão naturalizou-se brasileiro é porque deixou de ser japonês: há um princípio de Direito Internacional nesse sentido e não se trata, regra geral, de "dupla nacionalidade" (é como casamento... só se pode estar casado com uma pessoa de cada vez! Rsrsrs).
Mesmo que a lei do Japão – e não tenho a menor ideia do que ela determina, o que não faz diferença para o caso – não lhe retire a nacionalidade por causa dessa naturalização aqui no Brasil, ainda assim a manchete não tem sentido: se ele fosse japonês não poderia ser prefeito no Brasil...

Poder do Marketing:


Duas crianças de oito anos conversam no jardim e o menino pergunta à menina:
- O que vais pedir no DIA DA CRIANÇA?
- Eu vou pedir uma Barby, e tu?
- Eu vou pedir um TAMPAX ou um OB! - responde o menino
- TAMPAX?! OB?! que é isso?!
- Nem imagino... mas na televisão dizem que com TAMPAX ou OB a gente pode ir à praia todos os dias, andar de bicicleta, andar a cavalo, dançar, ir ao clube, correr, fazer um montão de coisas, e o melhor... SEM QUE NINGUÉM PERCEBA!

Autossuficiência no petróleo - lula, 2006: "Somos donos do nosso nariz". Folha, 2012: "Brasil cada vez mais longe da autossuficiência"



24/04/2006
Folha Online. 
Lula diz que Brasil autossuficiente em petróleo é "dono de seu nariz". O presidente Lula da Silva voltou a comemorar hoje a conquista do Brasil da autossuficiência em petróleo e afirmou que o país também é "imbatível" em energia alternativa. Durante o programa de rádio "Café com o Presidente", transmitido pela Radiobrás, Lula disse que "a autossuficiência significa agora que somos donos do nosso nariz".

22/12/2012. 
Folha de SP. 
O Brasil está cada vez mais longe da autossuficiência em petróleo e derivados. O reflexo é que a Petrobras terá neste ano o maior déficit comercial desde ao menos 1995, quando teve início a série histórica de exportações e importações. Até novembro, o déficit é de US$ 9,8 bilhões -alta de 30% em relação a 2011 inteiro. O setor de petróleo e derivados do país como um todo também terá o maior déficit desde 1995: US$ 11,8 bilhões no ano, segundo a Tendências Consultoria.
Clipping newsletter diária do ex-prefeito Cesar Maia.

Denúncia: Zé Dirceu & Cia. vão se exilar na Venezuela

video

O vídeo pode ser na sacanagem, mas o seu conteúdo é bem possível de acontecer.
Muitos acham que os mensaleiros do PT realmente irão fugir, um dos locais prováveis é a Venezuela, e acusaram o STF de julgamento político, a conferir.

Zé Dirceu - Filho do Brasil, pai da corrupção.


Um deslustrado, um dia, autoproclamou-se “Filho do Brasil”, anunciando, como pai, um país tido como paraíso de aventureiros nacionais e estrangeiros. Este de quem se fala, perito estrategista em estelionato político, passou de desempregado a patrão, servindo-se da massa populacional que via nele um igual pela origem. 
Tendo em vista que a herança cultural do Brasil mais usufruída é a da esperteza em todas as esferas, oficiais ou não; a do engodo; e a do jeitinho desprezível de ser, considerou-se ele com total direito à filiação e, por essa razão, tornar-se herdeiro absoluto desse legado infame. Sendo assim, é válida a certidão de legítimo produto genético do país que não deu certo.
Assim concebido, tornou-se lídimo filho do Brasil pilantra, pela completa afinidade com a parte do povo tendente a qualquer negócio, desde que lhe sobrem vantagens.
O filho cresceu em astúcia, em velhacaria, e transformou-se em Pai da Corrupção, patriarca do clã mais agressivo em termos de decomposição moral de que se tem notícia. 
Se é verdade que percorre o mundo, pressionando seus aliados a apoiarem-no para ganhador do Prêmio Nobel da Paz, é sinal de que a petulância, a empáfia do cínico indivíduo acabaram por lhe dar o título de Maior Embusteiro, o mais completo impostor com direito à inclusão no Guinness das falcatruas.
Mas já está passando da hora de o Brasil sensato reagir à inércia em que seus individualistas e mal-intencionados governantes desejam mantê-lo, e desvencilhar-se dessa confraria de parasitas do erário, que tenta aprisioná-lo nos antivalores da liberalidade sem freio e enroscá-lo com os tentáculos da traição, para melhor sugar-lhe as entranhas alimentadas pelo contribuinte, apascentado pelo hábito de pagar e nada ver.
O Filho do Brasil e Pai da Corrupção é a representação congênita do que há de mais nocivo dos “estigmas”, como diria Cesare Lombroso [1], emanando dele todo o miasma da perversão ético-moral. 
Por que, então, não está sentado no banco dos réus e as ameaças de seus comparsas de denunciá-lo nunca são concretizadas? Por que excluí-lo, se parte de seu comando todas as perniciosas ações governamentais, ignorando a existência da afilhada, nulidade presidencial? 
Surge o escândalo da supersecretária, outros virão, mais outros e mais outros, como se roubar fosse norma constitucional neste governo promíscuo. Em contrapartida, a calmaria permanece, nada se move na natureza: os navios não balançam; o silêncio permanece nos quartéis, verdadeiros mosteiros medievais; os aviões não passam rasantes pelo centro da corrupção. Nada! Todos repetindo “assim seja!” aos escândalos da canalha petista.
Só restam as palavras, mas estas também estão imóveis e mudas no texto, não mais ecoam, parece terem perdido a força para provocar as mudanças desejadas. Estão semelhantes a armas sem munição, a naus sem leme, a aviões sem motor.
Quando um juiz exigir a reintegração, até o último centavo, do patrimônio roubado do Estado pelo Filho Enjeitado do Brasil e Pai da Sórdida Corrupção, então poder-se-á dizer que a justiça é para todos ou que “todos são iguais perante a lei”.
Enquanto não acontecer tal milagre, o poder vermelho continuará a escarnecer, ruidosamente, das instituições nacionais, permanentemente sob o efeito anestesiante de doentia acomodação.
Aileda de Mattos Oliveira gracanopaisdasmaravilhas
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...