segunda-feira, 21 de novembro de 2016

A UFRGS forma matilhas de lobos que atacam a sociedade ✰ Opinião de Políbio Braga

Os professores da Ufrgs confirmaram seu apoio aos estudantes que invadiram e ocupam as instalações universitárias. Por isto decidiram fazer greve até o dia 13 de dezembro.
Por que 13 de dezembro ?
É que até lá deve estar votada a PEC 241, agora PEC 55, a PEC que estabelece teto para os gastos públicos, coisa que os professores da Ufrgs rejeitam, já que defendem gastos públicos ilimitados, os mesmos que foram as tônicas dos governos Lula e Dilma, conduzindo o País a severa recessão e ao desemprego de 12 milhões de trabalhadores.
A assembléia da Andes-Ufrgs que decidiu a greve, teve a participação de apenas 140 professores.
A pauta da greve que começará terça-feira, inclui outras demandas renegadas, como a exigência de que o governo reconheça a legitimidade de invasões e ocupações de prédios públicos.
A Ufrgs não para de formar matilhas que o dinheiro público alimenta para destruir o estado democrático de direito e sobretudo a economia de mercado, com ênfase para a desmoralização da sociedade brasileira.
Polibio Braga - Jornalista

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...