quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Enquanto Estado corta restaurantes populares, Alerj cota preços de bufês para almoços e coquetéis.

Enquanto o Estado corta programas sociais como o de restaurantes populares, com refeições a R$ 2, 00, no Palácio Tiradentes, sede da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, o menu de almoços e coquetéis é de dar água na boca. 
Na página da Alerj na internet, é possível conferir o bom gosto dos bufês com base em tomada de preços divulgada para obter cotações de mercado. Nesta segunda-feira, o órgão não revelou se a compra foi efetivada e que valores foram desembolsados.
ALERJ debocha dos servidores e do povo
As pessoas humildes não contam mais com vários restaurantes populares que fecharam as portas. Os poucos que funcionam servem salsicha com arroz como prato principal. Os servidores, com salário atrasado, comem o que sobrou na despensa. Mas os deputados estaduais, numa verdadeira afronta a todos nós, vão gastar uma fortuna para comer do bom de do melhor, só comidas refinadas. 
Vejam alguns exemplos, revelados pelo Globo, do cardápio que a ALERJ quer contratar para 88 coquetéis e pelo menos um almoço por mês: 
Os frios: canapé de dourado e banana da terra, camarão com chutney de manga, carpaccio de tucunaré ao molho azeitado, entre queijo selvagem com sementes brasileiras e ervas indígenas e ceviche de peixe branco com guacamole. Os quentes: bobó de camarão na barquete, espetinhos de mignon, dadinhos de tapioca ao molho de pimenta doce, vol au vent de bacalhau, entre outras delícias, como um sem número de miniquiches e tartares. Além disso: cornucópia de linguado com aspargo ao beurre noir, bacalhau espiritual, bobó de camarão, robalo em crosta de queijo coalho e castanha de caju. Isso sem falar de carnes nobres, sucos e 27 opções de sobremesa. 
E o presidente da ALERJ, Jorge Picciani diz que o pacote de maldades de Pezão é necessário porque é preciso fazer cortes. A Casa do Povo está parecendo o Palácio de Versailles. Depois cercam tudo com grades e arame farpado.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...