sábado, 12 de novembro de 2016

Lula ataca novamente: "Contra mim, existe um pacto diabólico entre mídia, delegados, procuradores e Sérgio Moro"

Na Casa de Portugal, SP, onde foi o ato, o ex-ministro Gilberto Carvalho disse que um dos erros dos governos do PT foi não ter censurado a mídia.
Enquanto não é julgado, condenado e peso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva prossegue atacando a imprensa, delegados da Polícia Federal (PF), procuradores do Ministério Público (MP) e o juiz Sergio Moro. O petista também desafiou seus acusadores a apresentarem provas contra ele, durante um ato, na noite desta quinta-feira, em que recebeu o apoio de políticos, intelectuais e artistas. Lula ainda fez críticas ao governo de Michel Temer (PMDB), em especial à proposta de congelar, em termos reais, os gastos da União.
— Tenho preocupação quando eu vejo um pacto quase que diabólico entre mídia, a Polícia Federal, o Ministério Público e o juiz que está apurando todo esse processo. A menor preocupação é com a verdade.
Aos 71 anos de idade, Lula afirmou estar disposto a se colocar à disposição dos acusadores, mas pede que apresentem uma prova concreta:
— Não cometi nenhum crime antes, durante e depois de ser presidente da República.

Um comentário:

Anônimo disse...

LAVA TUA BOCA PRA PRONUNCIAR O NOME DO JUIZ SÉRGIO MORO, SEU MOLUSCO LADRÃO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...