segunda-feira, 14 de novembro de 2016

New York Times pediu desculpas aos leitores por cobertura criminosa feita contra Donald Trump

Em carta aos assinantes, o jornal americano The New York Times fez uma espécie de pedido de desculpas por ter atuado em favor da eleição da candidata democrata Hillary Clinton na campanha à presidência dos Estados Unidos.
O editor Arthur Sulzberger Jr. e o editor executivo Dean Baquet admitiram a "pura inconformidade" com o republicano Donald Trump, e prometeram que o jornal voltaria a se "dedicar à missão fundamental do jornalismo Times".
O NYT moveu campanha perversa, criminosa e mentirosa contra Trump.
O jornal promete recuar da missão criminosa e relatar os Estados Unidos e o mundo honestamente, sem medo ou favor.

Um comentário:

Anônimo disse...

Veja como o NYT, mídia da Nova Ordem Mundial, retrocede estrategicamente para se adaptar aos novos tempos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...