sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Para economizar, governador Pezão e Wagner Victer querem fechar 82 escolas

É mais uma tragédia para a educação do Rio de Janeiro. Durante o governo Cabral foram fechadas 157 escolas. Um calamidade! Agora o plano do secretário de Educação, Wagner Victer, que não entende nada do assunto, com o aval do governador Pezão, é fechar mais 82 unidades. 
Ontem Victer foi à ALERJ e falou em remanejamento de alunos, mas os deputados não caíram na conversa fiada. O plano é mesmo fechar mais 82 escolas e mandar os alunos, professores e funcionários para outras unidades, algumas muito distantes. É uma vergonha. A educação no Estado do Rio segue afundando. Por isso alunos e pais fizeram protesto anteontem na ALERJ, mas foram proibidos de participar da audiência pública com Wagner Victer. 
O problema é que alguns deputados denunciam a situação, mas a maioria não faz nada, só balança a cabeça para as decisões do governo Pezão. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...