sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Sargento do Exército abandona o posto para namorar e tem pistola roubada no RJ

O Comandante Militar do Leste, general Walter de Souza Braga Netto, afirmou durante uma honraria na Associação Comercial do Rio de Janeiro, na tarde desta terça-feira, que o militar que teve a arma roubada abandonou o posto para encontrar uma namorada. Segundo Braga Netto, o sargento já foi preso e vai responder à Polícia Federal. 
Nesta terça-feira, a 9ª Brigada de Infantaria Motorizada realizou uma operação, nas comunidades do Muquiço e da Palmeirinha, no bairro de Guadalupe, na Zona Norte do Rio, com o objetivo de recuperar uma única arma. 
"Eu quero entrar na comunidade e trocar tiros com os bandidos, ou entrar com um efetivo de homens e não ter nenhum problema?", comentou o general sobre a quantidade de militares usada na operação. De acordo com Braga Netto, existe uma diferença entre o que a opinião pública considera muitos homens e o que o Exército pensa sobre efetivo em massa. 
Já sobre a atuação das Forças Armadas — que estão fora das ruas do Rio há um mês - Walter disse que as operações acabaram por causa da burocracia. "Os repasses voltaram hoje", revelou. "Nós vamos antecipar as planilhas para o Ministério da Defesa para que os recursos não demorem tanto", concluiu o general do CML, que não comentou se as Forças Armadas voltarão para as ruas.

22 de Setembro - Dia Estadual do Aluno dos Colégios Militares

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Da aposentadoria direto ao cemitério ✰ Artigo de Sérgio Alves de Oliveira

As propostas de reforma da previdência que estão em andamento sem dúvida são injustas, cruéis e mesmo criminosas contra os atuais trabalhadores brasileiros. Não fosse por razões outras, ela acabará estabelecendo uma visível fronteira de vantagens para os que já obtiveram aposentadoria, em vista dos tais direitos adquiridos, ao mesmo tempo em que retira dos futuros aposentados todos os excessos que foram reconhecidos e continuarão sendo pagos para os antigos. São dois pesos e duas medidas grotescas, que em última análise podem ser traduzidas na afirmação que os novos estarão pagando o déficit deixado pelos antigos. Parece estar havendo inclusive uma agressão ao princípio constitucional pelos qual todos são iguais perante a lei. Por isso os antigos, aqueles que não serão atingidos pela dita reforma - coincidentemente majoritários entre os responsáveis por essa reforma - passarão a ter muito mais benefícios e direitos que os outros, ou seja, os novos que ainda não preencheram os requisitos necessários para suas aposentadorias.
Outra questão que se impõe, ainda em função dos tais direitos adquiridos: como ficarão as super-aposentadorias dos marajás do Serviço Público, que chegam a ganhar verdadeiras fortunas por mês? E os deputados que se aposentaram após dois mandatos (8 anos), ganhando integralmente as generosas remunerações da ativa? Pode ser considerado justo que os novos passem a sustentar essa cambada de privilegiados, abdicando dos benefícios futuros da própria vida?
Com certeza o que está agravando essa conta a ser paga pela previdência são os benefícios já concedidos, não os futuros. Isso pelo menos durante mais de dez (10) anos. Isso significa dizer que se não fosse esse compromisso previdenciário em relação aos antigos, com todas as suas injustiças, bondades e ilegalidades cometidas, notadamente em torno do Serviço Público, certamente a previdência deixaria de ser deficitária e passaria a ser superavitária. E mais, valendo a regra que a idade mínima para aposentadoria dos homens será aos 65 anos, e das mulheres aos 62 anos, a previdência passaria a ser o melhor negócio do mundo, mais lucrativa ainda que a atividade rentista, dos bancos, uma vez que ela só teria RECEITAS, não mais DESPESAS com aposentadoria. E a razão é muito simples.                                                      
Há um certo consenso jurisprudencial nos Tribunais que o tempo presumido de vida, em relação aos homens, seria de 65 (sessenta e cinco) anos, para fins de cálculo de indenização a ser suportada pelo eventual culpado da sua morte. Isso significa que não estaria longe nem afastada a hipótese do trabalhador solicitar a sua aposentadoria, após cumpridas todas exigências, e antes mesmo de receber a primeira mensalidade do benefício... MORRER.
Trocando em miúdos: o aposentado nem teria o gostinho de usufruir do primeiro benefício. Iria direto do balcão do INSS para a sepultura. E essa hipótese foi prevista.  Inclusive pelos Tribunais. Não daria para engolir o fato da Previdência Social enriquecer ilicitamente à custa dos seus participantes. Isso não seria mais previdência social, porém um cruel regime de exploração do trabalho, de escravidão, melhor dito.
Toda a política da nova previdência em curso está centrada na inversão de valores. Em vista dessa situação, o peso de todas as reformas está sendo colocado nas costas dos futuros, daqueles que ainda não implementaram as condições para aposentar-se. Esses são os que sustentarão os privilégios dos antigos, sentados no colo dos seus direitos adquiridos. Efetivamente isso não é justo.  Nem decente.
Mas essas distorções poderiam ser combatidas. Porém jamais poderiam ser combatidas sem um ataque frontal aos tais direitos adquiridosque, porém, não resistiriam a uma nova disposição constitucional que alterasse essas regras injustas. Só a constituição tem força para cancelar direitos adquiridos. E mesmo obrigação quando se tratar de corrigir injustiças. E na verdade o noticiado rombo da previdência poderia ser amenizado ou anulado de múltiplas formas, sem que a conta ficasse a cargo exclusivamente dos futuros, como está tramitando. Se a previdência cortasse os excessos com os antigos e seus direitos adquiridos, já seria meio caminho andado.
Sérgio Alves de Oliveira - Advogado e Sociólogo

Vê se aprende, Santander. Isso sim é obra de arte!

Olhem só como esta' no Brasil. Assalto por todos os lados

Se as mortes violentas estão tendendo para 70 mil ao ano, a maioria em casos de assalto e balas perdidas (stray bullets), imaginem o numero de assaltos em geral. Talvez 3-4 milhões por ano!
O Comandante do Exército, General Villas Boas, sabe-se lá porque, considera estes números aceitáveis! Não acha que seja caso das FFAA intervirem!
Imagina serem as polícias suficientes para lidar com esta catástrofe. Não é problema dele e/ou do Alto Comando do Exército, imagina!
´É óbvio que uma intervenção militar pelo menos do nível da de 1964 não resolve, seja lá quanto tempo tenha que durar!
Considere V. Exª ou V. Sª recebendo este e-mail os dados abaixo, no entanto:
Estatísticas da violentíssima Guerra Civil Americana, com duração de quatro anos:
Numero de mortos em combate em ambas facções:
110.070 + 94.000 = 204.070
204.070 / 4 (nº de anos da guerra) = 51.018
Ou seja, no Brasil, estamos tendendo para um numero de mortes violentas, a maior parte relacionada com assaltos, o qual tende a ultrapassar as mortes em combates na Guerra Civil Americana EM CERCA DE VINTE MIL POR ANO: vítimas dos assaltos e de violência doméstica, dos ladrões por ação da polícia,  dos policiais mortos em ação ou tocaia, e, finalmente, dos vitimados por balas perdidas.
Sua Excelência, o General Villas Boas, vem - há anos! - esperando o que para cumprir suas obrigações perante a Constituição? Licença do cidadão civil ou da Igreja Católica? Licença do maior chefe de quadrilha enquanto no Congresso, depois vice-presidente, e finalmente presidente?
Wilson Chiareli - Oficial de Marinha, Ref., Oficial de Maquinas, Engenheiro Militar, IME, MSc. Ind. Eng., PUC/RJ, Economista, UnB (Brasilia), Stanford U., U. of Minnesota at Minneapolis Em Roanoke, VA, USA
video
Isto está acontecendo diariamente de norte a sul no Brasil.

Recado do general Mourão ao Judiciário: não quer intervenção militar? Trabalhe direito! ✰ Comentário de Beatriz Kicis de Sordi

video
O claro recado do General Mourão. É bom que as instituições funcionem para que possamos resgatar nosso país com a sociedade civil e as instituições, com redução de danos. Mas se não for assim, o povo brasileiro não está órfão das FFAA. 
Adorei. Ah, só pra lembrar, exigimos voto impresso já, como manda a lei ( esse recado é do povo brasileiro).

Um ano antes das eleições, pesquisa CNT/MDA aponta segundo turno entre Lula e Jair Bolsonaro em todos os cenários

Entre os dias 13 e 16 de setembro de 2017, foram ouvidas 2.002 pessoas em 137 municípios para a 134ª edição da pesquisa CNT/MDA. Com margem de erro é 2,2%, e 95% de nível de confiança, foram testados três cenários para a disputa presidencial de 2018, a ocorrer dali a um ano. E todos eles colocavam Lula e Jair Bolsonaro num eventual segundo turno.
Os cenários variaram com nomes do PSDB. E ainda fizeram uso de Aécio Neves, uma carta já descartada do baralho devido a tantos problemas com a Justiça.
Como se percebe, o pior desempenho de Lula se dá com Geraldo Alckmin na disputa, mas João Doria já é o tucano que mais receberia votos. Quanto a Jair Bolsonaro, ganha com a entrada de Aécio Neves na disputa.

Até Deus sabe que bandido bom é bandido morto

Pastor Valdemiro; dias difíceis após desrespeitar memória Marcelo de Rezende

Um trapaceiro, figura carimbada, bandido que enriquece manipulando ingênuos, estelionatário religioso, oportunista se beneficiando da blindagem conquistada por Leis de um País laico, um ser desprezível, vivendo dias complicados; efeito colateral de besteira falada.
Ao afirmar ter sido o Câncer de Marcelo Rezende castigo de Deus, decepcionou e perdeu muitos seguidores.
Foi o fim de semana de média de presenças em Cultos de suas Igrejas, em queda jamais vista; futuramento despencou.
Não acredito debandada ter sido castigo de Deus. Resume o despertar de muitos, abrindo os olhos para o tipo de cafajeste à sua frente.
Cristo pregou a outra face", Deus jamais desceria a um castigo, com características de vingança e esse falso Profeta, não tem procuração pra falar em nome dos dois.
Marcelo realmente é diferenciado. Mesmo não estando fisicamente entre nós, continua desmascarando vigaristas.
video
Oportunistas infiltrados no Universo Evangélico, em Guerra com o País.

Jornalista faz Ministro que atacou General Mourão virar pó

video

PT de Minas começa consultas para lançar Dilma ao Senado

O jornal O Estado de Minas, ontem, revelou que a direção estadual do PT começou a conversar oficialmente com Dilma Roussef a respeito de sua possível candidatura a uma das duas vagas que irão a disputa no ano que vem no Estado.
A decisão materializou-se depois que uma pesquisa do instituto Quaest revelou que os dois candidatos mais votados no momento são os seguintes:
Dilma, 12%
Aécio, 10%
Ambos estão enrolados com a Justiça.
Se resolver disputar a eleição em Minas, Dilma terá que transferir seu título eleitoral, já que ela é eleitora em Porto Alegre.

Após depoimento de Lula, Moro manda prender Marisa Letícia!

Quem festeja a posse de Raquel Dodge na PGR sentirá saudades de Janot

Políticos indiciados pelo agora ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot – dentre eles o presidente Michel Temer e alguns de seus ministros, senadores e deputados –, soltaram foguetes comemorando a posse da nova dirigente da Procuradoria-Geral da República (PGR), Raquel Dodge, adversária de Janot no âmbito daquele órgão. 
Eles acham que ela vai estancar a Operação Lava-Jato e que os crimes que cometeram vão ser jogados para debaixo do tapete. Rodrigo Janot está deixando para Raquel Dodge nada menos que 178 inquéritos instaurados para investigar políticos acobertados pelo foro privilegiado, além de 159 acordos de delação premiada referente à Lava-Jato, que foram homologados pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Em sua nova equipe trabalho estão procuradores que não são nada condescendentes com a corrupção, além de estar preparando uma nova estrutura da PGR visando exclusivamente a Operação. 
Será criada uma nova secretaria, a de Função Penal Originária do STF, que terá como titular sua xará Raquel Branquinho, que teve relevante atuação na apuração das falcatruas do “Mensalão do PT” que levou para o xadrez figuras de destaque do partido como José Dirceu. O grupo da Lava-Jato será coordenado por dois procuradores, Alexandre Espinosa e José Alfredo de Paula, experientes em outras operações, como os Mensalões do PT e o do PSDB mineiro e a Zelotes. 
Raquel Dodge, afirmou no seu discurso de posse na manhã desta segunda-feira que o povo brasileiro "não tolera a corrupção" e que o país "passa por um momento de depuração". Muitos políticos corruptos estão enganados sobre Raquel Dodge e certamente em pouco tempo vão sentir saudades de Rodrigo Janot.

Prefeito João Doria de São Paulo homenageia terroristas

video

Serão tontos, burros ou mal intencionados ? ✰ Artigo de Marcelo Aiquel

Já se passaram alguns dias desde o depoimento do Lula da Silva na Justiça Federal de Curitiba; daquele “patético show teatral” que o ex-presidente proporcionou ao Brasil.
         Também se passaram alguns dias desde o encerramento prematuro da exposição de “arte” (e vulgaridade) no Espaço Santander Cultural, em Porto Alegre.
         Neste curto espaço de tempo – decorrido do “show teatral” do Lula da Silva e do polêmico debate sobre a pertinência da “arte” exposta – muita coisa aconteceu:
         a) Todas as notícias e comentários foram unânimes em criticar a postura arrogante e debochada do chefão do PT. Ah, esta mídia tendenciosa só tem prazer em detonar “injustamente” o coitadinho do ex-presidente, não é?
         b) Já sobre o assunto da exposição de “arte”, o Banco Santander retirou o patrocínio (por que será, hein?) da mostra e a Justiça Federal negou liminarmente sua reabertura.
         Então, fiquei pensando porque ainda tem gente que se põe a defender ferrenhamente, tanto um caso como o outro?
         Deve ser porque, segundo o saudoso dramaturgo Nelson Rodrigues “toda unanimidade é burra”. Deve ser. Ou só pode ser.
         Se não for por esta razão, juro que não sei por quê? Ou será que sei!
         BINGO!
         Eu aprendi desde muito cedo que sempre existirão aqueles que gostam de chamar a atenção para si. Muitos destes fazem questão de dar o passo em desacordo com a tropa. Outros, dançam samba quando o som é de Rock. Ou rumba quando a orquestra toca valsa.
         Descontando o fato de que são pessoas que tem por objetivo principal “aparecer” (o mais fácil seria pendurar uma melancia no pescoço, não acham?), me pergunto: Serão tolos, burros, ou mal intencionados?
         Pois, não é compreensível (à luz da razão) que tais pessoas ajam normalmente sem “se tocarem” do ridículo que assumem ao abraçarem certas causas.
         Quando não se dão conta, entram pela porta da frente no rol dos tolos, pobres ignorantes que não imaginam sequer onde pisam.
         Mas, jamais podemos esquecer-nos daqueles que buscam algum proveito (próprio ou para terceiros) quando resolvem “jogar pra torcida”. Estes são os “mal intencionados”.
         É evidente que existem simpatizantes do amarelo. Senão, o azul reinaria sozinho.
         Só que a boa educação ensina que o respeito deve pautar mesmo as paixões contrárias. Ou então viveremos como animais irracionais.
         A verdade é que a fé cristã ensina que o perdão deve ser concedido a todos, mas também sabemos que o céu não é lugar ideal para abrigar os “mal intencionados”.
         Para os tolos, burros, e iludidos – com certeza – a misericórdia divina há de alcançar o perdão. Porém, aos mal intencionados, não.
         Durante muito tempo, ao ler a Bíblia não compreendia a quem as escrituras sagradas se referiam, quando a palavra divina dizia, ao falar sobre o julgamento final: “...e haverá choro e ranger de dentes...”.
         Hoje entendo perfeitamente que não fazia referência aos tontos, nem aos burros, e tampouco aos enganados, iludidos.
         Quem viver, verá!
Marcelo Aiquel – advogado

Esmalte de unhas

Delação de Geddel é mais temida pelo Planalto do que denúncia de Janot

O Palácio do Planalto se preocupa atualmente mais com a possibilidade do ex-ministro Geddel Vieira Lima fechar um acordo de delação premiada do que com a última denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República na semana passada contra o presidente Michel Temer. 
De acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, auxiliares próximos a Temer avaliam que, nesta segunda acusação formal oferecida pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, por organização criminosa e obstrução de Justiça, ele terá um placar mais favorável do que a primeira -- em agosto, quando a denúncia era por corrupção passiva, 263 deputados votaram contra o prosseguimento da acusação. 
A situação de Geddel, no entanto, é visto pela cúpula do governo como “praticamente incontornável” após a Polícia Federal encontrar R$ 51 milhões em espécie em um apartamento em Salvador, onde foram identificadas as impressões digitais do ex-ministro.

Felipe Moura Brasil analisa truques de Temer e PT para enganar trouxa

video
Pregação de Michel Temer contra "abuso de autoridade" e vanglória do PT por ter nomeado para PGR primeiro da lista da categoria são só malandragens, analisa Felipe Moura Brasil.

TRE nega habeas corpus a Garotinho; defesa irá recorrer

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) negou, durante a sessão plenária de ontem (18), o pedido de liminar em habeas corpus em favor do ex-governador Anthony Garotinho, que por decisão do juiz Ralph Manhães, da 100ª Zona Eleitoral, foi preso cautelarmente na quarta-feira (13), enquanto apresentava o seu programa na Rádio Tupi, no Rio de Janeiro.
Para a relatora do processo, desembargadora eleitoral Cristina Feijó, se permanecer solto, Garotinho pode voltar a cometer crimes. “A sentença expõe minuciosamente os motivos concretos embasadores do juízo de periculosidade, pelo qual o paciente, caso permaneça em liberdade, poderá cometer novos crimes”, disse. A desembargadora destacou também que o político, além de atacar autoridades que atuam nas investigações dos crimes incita a população contra elas.
“A gravidade e a repercussão da conduta delituosa, além do comportamento do paciente, que, de acordo com o apurado pelo juízo a quo, vem reiteradamente praticando outras infrações para impedir a sua condenação e difundindo ataques às autoridades que atuam no caso, incitando a população contra elas e contra as instituições que elas representam, revelam a necessidade de acautelar o meio social e assegurar a credibilidade das instituições públicas, em especial do Poder Judiciário”.
Depois de preso, o ex-governador foi levado por agentes da Polícia Federal para Campos dos Goytacazes, no norte-fluminense, onde mora e cumpre prisão domiciliar com o uso de tornozeleira eletrônica. Garotinho foi condenado por corrupção eleitoral, associação criminosa, coação de testemunhas e supressão de documentos. Na decisão, o juiz indicou sentença de 9 anos e 11 meses de prisão em regime fechado, o que só será praticado se a condenação for confirmada em segunda instância.
O advogado do ex-governador Anthony Garotinho, Carlos Azeredo, disse que vai recorrer da decisão no Tribunal Superior Eleitoral. A defesa destacou que na decisão dessa segunda-feira o TRE negou apenas a liminar do habeas corpus, sem julgar o seu mérito. “O processo é fruto de perseguição política, o que será facilmente constatado pelos ministros do TSE”, disse Azeredo, lamentando ainda que Garotinho continue impedido de trabalhar como radialista e, assim, “possa sustentar sua família”.

1º Encontro de Veículos Antigos de Brejetuba ES

Haitianos invadem principal avenida de comércio de Porto Alegre e provocam fechamento de 30% das lojas

Acima, camelô senegalês em Porto Alegre. Ele ajudou a fechar a loja que está atrás dele.

Já fecharam 30% das lojas de rua da avenida Assis Brasil, a mais importante da zona Norte de Porto Alegre.
E não é apenas efeito da recessão.
A avenida foi tomada por camelôs e ambulantes haitianos.
No RS, entre 2016 e 2017, foram concedidas 1.385 carteiras de trabalhador para gente do Haiti, disparado o maior grupo de imigrantes, O segundo posto cabe ao Senegal, 93.
Os demais Países, por número de carteiras emitidas: Colômbia, 82; Uruguai, 79; Argentina, 77; Cuba, 73; Paraguai, 35; Venezuela, 35; Bangladeshj, 18; República Dominicana, 14.

Retiraram a estátua de Che Guevara em Paraíba do Sul RJ

video

Menor de 13 anos estupra mulher de 51 anos

Menor confessou crime em depoimento à polícia

Um adolescente de 13 anos foi apreendido depois de confessar que violentou uma mulher de 51 anos, em Medeiros Neto (a 850 km de Salvador).
Segundo o depoimento dele, o ato infracional análogo ao crime de estupro foi cometido depois que o marido da mulher e pai adotivo dele saiu, deixando-o a sós com a vítima dentro de uma casa. Ele conduziu a mulher, que estava bêbada, até um quarto e consumou o ato. Após o ato, ele ainda empurrou a vítima, que caiu e quebrou um dos braços. Ela foi levada ao Hospital Municipal de Medeiros Neto. Não há informações sobre o estado de saúde dela.
Ainda conforme site local, o adolescente já tem passagens pela polícia e é suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas na região.

20 de Setembro - Dia do Gaúcho

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

A Eleição de 2018 começa a caminhar para uma definição

Quando se comemorava a Independência do Brasil, na quinta-feira (07/09), no tradicional desfile de 7 de setembro, Jair Bolsonaro testou sua popularidade, Parece que o homem está com a corda toda. 
A esquerda ficou pasma, pois o ex-capitão do Exército brasileiro foi ovacionado no centro do Rio de Janeiro, durante o desfile militar.
Até o próprio Bolsonaro, talvez não esperasse, mas a adesão e apoio a ele foi tão grande que, de todos os políticos presentes, o líder de direita foi o único a ser aplaudido enquanto que Crivella, atual prefeito da cidade maravilhosa, por sua vez, recebeu diversas vaias.
Bolsonaro, pré-candidato à Presidência da República, teve grande adesão do povo que estava no local. Em um vídeo, que foi transmitido ao vivo através do Facebook oficial do deputado federal, deu para ver o quanto Jair é querido mesmo em meio a tantas polêmicas. Não faltaram continências de militares e até selfies com estudantes.
Além disso em quase todo Brasil adeptos da candidatura do ex-militar, se fizeram presentes e gritavam: "BOLSONARO, PRESIDENTE DO BRASIL".
video video
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...