quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Advogado de Dilma usa argumentação que contraria esquerdofrênicos petistas

Desde que Dilma Rousseff sofreu o impeachment, os esquerdofrênicos vêm disseminando nas redes sociais a ideia de que o presidente Michel Temer é ilegítimo porque não teve votos. Pois nesta quarta-feira, o advogado da ex-presidente, Flávio Caetano, se viu obrigado a contrariar o discurso da militância ensandecida ao discordar da defesa apresentada por Temer em processo do Tribunal Superior Eleitoral que pede a cassação da chapa de ambos na eleição de 2014.
A defesa de Temer alega que o PMDB não tinha conhecimento sobre a contratação de gráficas. Flávio Caetano assegura que "não existe uma campanha só de Dilma ou só de Temer". Para o advogado, “Temer não teve nenhum voto desacompanhado de Dilma" e que “tanto a perícia contábil quanto o relatório da Polícia Federal não consideraram que todo o material produzido pelas três gráficas periciadas foi produzido e entregue à campanha de Dilma e Temer”.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...