quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Estudantes de Coimbra continuam exigindo a cassação do título "honoris causa" concedido a Lula

Lula vestido com o traje e gorro doutoral desta vetusta instituição, ostenta um par de orelhas de burro

Estudantes portugueses da multicentenária Universidade de Coimbra, continuam exigindo que sua Universidade casse o título de Doutor Honoris Causa de Lula, com toda a razão. O mesmo deveriam fazer todas as universidades, brasileiras e estrangeiras, que cometeram o temerário erro de homenagear quem nunca mereceu tal honraria, e pelo menos as estrangeiras foram enganadas por matérias jornalísticas pagas a peso de ouro na contratação de destacados jornalistas para que produzissem tais matérias encomiásticas a esse arquibandido.
Além de apedeuta, de iletrado que se gaba de nunca ter ido um livro, Lula é o exterminador do Brasil e sua economia, além de maior ladrão do Planeta, pois fez o BNDES emprestar, a juros de 6,5% ao ano, R$500 bilhões (US$151,5 bilhões) para que empreiteiras brasileiras -- como Odebrecht, OAS, UTC, Andrade Gutierrez, Camargo Correia, todas investigadas pela Operação Lava Jato, e que pagaram grossa propina para Lula e o PT --, construíssem mais de cem grandes obras superfaturadas de infraestrutura em mais de 20 países estrangeiros, a maioria ditaduras esquerdistas. Dinheiro esse sacado do Tesouro Nacional, que o BNDES terá de reembolsar o Tesouro a juros Selic de 12,5% ao ano. Essa diferença de juros de 6% sobre R$500 bilhões é de nada menos que R$30 bilhões, e será paga pelo pobre povo brasileiro.
O resultado de medonhos 13 anos de lulo-dilmo-petismo é uma recessão prolongada, com obscenos juros mais altos do mundo, com inflação elevada, desemprego crescente de mais de 12 milhões de brasileiros por pelo menos 4 anos, sendo necessários pelo menos 8 anos para alguma recuperação de nossa atividade econômica.
Fora a decadência da educação e da saúde, que comprometem a produtividade futura da nossa economia, além de sucateamento de nossa infraestrutura rodoviária, portuária, aeroportuária e ferroviária, que tirou a capacidade de competir de nossas empresas exportadoras. Sem contar que pelo menos metade dos 5.570 municípios do Brasil, segundo o IBGE (sobre o número de municípios), não têm saneamento básico, o que mantém as populações de pelo menos 2.800 municípios padecendo de endemias rurais, pois bebem água com coliformes fecais, não podendo se educar e se instruir para terem uma vida produtiva e estão condenadas à mais vil pobreza.
Se essa dinheirama que Lula roubou do BNDES, condenando várias gerações futuras a pagá-la, fosse empregada para dotar aqueles municípios de saneamento básico, as referidas populações seriam resgatadas da enfermidade e da pobreza em cerca de duas gerações. Esse crime de Lula, que o tornou um arquicriminoso social, deveria ser punido com prisão perpétua.  
Álvaro Pedreira de Cerqueira

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...