quinta-feira, 13 de abril de 2017

Estes seis novos casos contra Lula vão para o juiz Sérgio Moro. É ordem de Fachin. Janot pediu abertura de 11 inquéritos contra Lula.

Principal nome do PT para as eleições de 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é alvo de seis pedidos de investigações criminais enviados para o juiz Sérgio Moro, feitos com base na mega delação premiada do Grupo Odebrecht – que inclui 78 delatores -, na primeira Lista de Fachin, tornada pública nesta terça-feira.
No total, Janot pediu a abertura de 11 inquéritos contra o chefe da organização criminosa.
São relatos de supostos crimes feitos pelos delatores da Odebrecht:
- Obras do sítio de Atibaia (SP), que seria patrimônio oculto do ex-presidente.
- Tratativas para aprovação de uma medida provisória que excluiria o Ministério Público Federal de acordo de leniência (espécie de delação para empresas). Foi o caso da edição da Medida Provisória 703/2015, que altera as regras para acordos de leniência.
- Acerto de uma mesa para seu irmão Frei Chico, em negócios em Angola.
- Aquisição de imóveis para o uso pessoal e instalação do Instituto Lula.
- Pagamento por palestras do petista.
- O apoio da Odebrecht na atividade empresarial desenvolvida por seu filho Luís Cláudio Lula da Silva. Há menção, nesse contexto, de reunião entre Luís Cláudio Lula da Silva e representantes da empresa, ocasião em que foi apresentado ao grupo o projeto ‘Touchdown’, associado à criação de liga de futebol americano no Brasil”, informou Fachin na petição 6842/DF.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...