quarta-feira, 17 de maio de 2017

Bandidos invadem apartamento do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão

Em 2012, quando era vice-governador, esse mesmo apartamento do Leblon foi arrombado e levaram 15 caixas de joias da mulher de Pezão. Aliás, deve ter aprendido com Adriana Ancelmo o gosto pelas joias. E não esqueçam que o apartamento, por ser onde morava o vice-governador, era monitorado pela segurança especial do Palácio Guanabara. Beltrame mandou abafar o caso e nunca se soube sequer se os bandidos foram presos e as joias recuperadas. É um mistério que permanece. Agora, pela segunda vez o apartamento é arrombado, ninguém sabe o que foi levado. Desta vez tentaram até esconder o crime, que aconteceu na quarta-feira passada. E agora tem até câmeras monitoradas pelo Gabinete Militar do Palácio Guanabara. Mas por ordem do secretário de Segurança Pública, Rolando Lero, ninguém da polícia pode falar sobre o caso. É outro mistério. Será que levaram mais joias da "madame Pezão"? 
Aliás, qual será a probabilidade do mesmo apartamento, com segurança especial 24 horas por dia, ser duas vezes arrombado? 
Segundo a assessoria de Pezão foram levados do apartamento do Leblon, onde ele não mora, já que há um ano e meio mudou-se para o Palácio Laranjeiras, duas garrafas de uísque, uma manta e uma camisa autografada de Carlos Alberto Torres. A polícia anunciou que tudo foi recuperado. Mas comenta-se nos bastidores que também teriam sido roubados dois computadores. 
Bem, para não ficar esse clima de mistério no ar é muito simples. A Coordenadoria Militar do Palácio Guanabara tem câmeras instaladas no prédio do Leblon, inclusive na porta do apartamento de Pezão. Basta liberar as imagens do momento da saída dos ladrões para se saber se foram levados ou não computadores. Mas a segurança não quer mostrar, logo dão margem a que as pessoas suspeitem que há algo mais que está sendo escondido. 
Pezão disse que é muito triste o que está acontecendo com o Rio. Ora, muda essa frase, Pezão. Triste e revoltante é o que Pezão e Cabral fizeram com o Rio. 
Aliás, segundo o governador, sua mulher Maria Lúcia "está muito abalada" com o arrombamento do apartamento. Ora, ela não mora lá desde a campanha de 2014 (há três anos). Nessa época alugaram um apartamento em frente ao Palácio Guanabara, depois de eleito foi para o Palácio Laranjeiras. Se roubaram apenas duas garrafas de uísque, uma manta e uma camisa autografada, como diz a versão oficial, por que tanto abalo. É estranho!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...