quarta-feira, 10 de maio de 2017

Fotógrafo de Lula terá que ficar em casa, ordena o TRF4

Lambe-lambe do chefe da Lava Jato terá que ficar em casa.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) indeferiu ontem habeas corpus impetrado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que a gravação do depoimento fosse realizada por equipe indicada por ele. O interrogatório será realizado hoje, às 14 horas, na sede da Justiça Federal do Paraná.
O fotógrafo oficial de Lula, Roberto Stuckart, terá que ficar em casa. 
Após o pedido ser negado pela 13ª Vara Federal de Curitiba, o advogado Cristiano Zanin Martins ajuizou o HC alegando ilegalidade da decisão de primeiro grau. 
Segundo o juiz federal Nivaldo Bruno, a tentativa de atribuir à gravação autônoma a qualidade de contraprova é descabida. “A tese ganha ares de mera especulação, pois sequer indica a defesa qual seria a hipotética mácula do ato judicial”, escreveu o juiz, acrescentando que nesses três anos de Operação Lava Jato nunca ocorreu algo parecido. O magistrado ressaltou ainda que o pedido da defesa não tem adequação ao rito do habeas corpus, que deve ser usado quando há cerceamento à liberdade do paciente ou risco de que isso venha a ocorrer.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...