quinta-feira, 4 de maio de 2017

Pezão, governador do RJ, além de corrupto e incompetente, é omisso e covarde

É inacreditável a postura omissa e covarde do governador Pezão diante da guerra que tomou conta do Rio. Ontem até o final da tarde, Pezão se recusava a fazer qualquer comentário sobre o que estava acontecendo, mesmo com a população apavorada. Limitou-se a dizer, através de sua assessoria: "Não vamos comentar." Só de noite disse que ligou para o presidente Michel Temer para pedir ajuda da Força Nacional de Segurança, que o seu secretário de Segurança Pública, Roberto Sá, disse à imprensa, com razão, que é apenas uma medida paliativa. 
O que o Estado do Rio de Janeiro necessita com urgência é de intervenção federal, e urgente, para ontem. Mas Michel Temer quer esperar a aprovação das reformas trabalhista e da Previdência para decretar a inevitável intervenção. E ainda tem o ministro Moreira Franco jogando contra o nosso estado, torcendo pelo caos, dizem que quer ser o interventos. Até lá, infelizmente, a população fluminense vai sofrer mais a cada dia. 
Mas é preciso enaltecer o trabalho da Polícia Militar, que mesmo sem condições operacionais e com a tropa desmotivada pelo atraso no pagamento do RAS e do 13º salário, deu uma resposta à altura, enfrentando os traficantes, prendendo mais de 40 e apreendendo 32 fuzis, além de pistolas e granadas. O Rio virou uma Faixa de Gaza, uma Síria. Vergonha! Vergonha! Vergonha!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...