quinta-feira, 11 de maio de 2017

Poderes do Rio Grande do Sul entram em inédito acordo e congelam salários em 2018

O governo estadual entrou em acordo com o Legislativo, Judiciário, Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública sobre a proposta de Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2018 (LDO) e ficou combinado que não haverá reajuste para o custeio dos poderes e instituições. A decisão foi anunciada após reunião no Palácio Piratini, na manhã desta quarta-feira
Isto significa que os salários ficam congelados, no mesmo patamar de 2017. 
Para o pagamento dos servidores, o Piratini propõe uma correção de 3%. 
A LDO de 2018 será enviada à Assembleia Legislativa pelo Piratini até a próxima segunda-feira.
A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) compreende as metas e prioridades da administração pública estadual, contidas no Plano Plurianual, para o exercício financeiro do ano seguinte.
Além de orientar a elaboração dos orçamentos anuais, a LDO dispõe sobre alterações na legislação tributária e estabelece a política tarifária das empresas da administração indireta e a de aplicação das agências financeiras oficiais de fomento.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...