quinta-feira, 8 de junho de 2017

A situação do país causa estresse no dia a dia dos brasileiros

Os dias andam muito difíceis de serem vividos pelos cidadãos brasileiros. Se ficar acompanhando o noticiário acaba estressado com as informações sobre falcatruas, corrupção e outras práticas por parte de pessoas que, ao contrário, deveriam ter outro tipo de comportamento, os políticos. Se o cidadão revolver não acompanhar o noticiário e quiser sair de casa para buscar algum tipo de distração, a situação também é estressante pela total falta de segurança, quando as pessoas ficam sujeitas a assaltos e até com violência com casos de morte a sangue frio por parte de bandidos bastante cruéis, que matam o assaltado sem nenhuma razão. 
Hoje, o assunto de maior repercussão é o julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pode punir a chapa Dilma-Temer, que segundo a ação teria sido eleita em 2014 infringindo dispositivos legais, cujo resultado poderá culminar com a cassação do mandato de Michel Temer;
E então, verifica-se que todos os implicados se defendem negando os crimes eleitorais de que são acusados, ao ponto de as defesas de Dilma e Temer se unirem na tentativa de evitar uma penalização – Temer perderia o mandato e Dilma ficaria inelegível – e, para piorar, os brasileiros ainda assistem a uma discussão sobre o tipo de eleição para preencher os dois cargos, se direta ou indireta, sabendo-se que uma eleição direta depende de alteração da Constituição Federal, e que num pleito indireto a maioria dos integrantes do Congresso Nacional não anda com a moral em alta junto à opinião pública para sequer eleger alguém para dirigir o país até o dia 31 de dezembro de 2018, e muito menos ter um deles eleito para tal missão. 
Quanto ao povo, só resta entoar aquele hino evangélico, mas que pode ser adotado por qualquer outro credo: “Segura na mão de Deus”.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...