quinta-feira, 29 de junho de 2017

Poucos deputados quiseram mostrar a cara dando apoio a Temer

Temer no pronunciamento sobre a denúncia da PGR

O Palácio do Planalto diz ter 240 votos garantidos (só necessita 172) para barrar a denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer. Anteontem no seu pronunciamento, Temer disse estar "agradavelmente surpreso com este apoio extremamente espontâneo", referindo-se aos deputados que foram ao Palácio do Planalto lhe dar apoio. 
Bem, para início de conversa a presença não foi espontânea, houve convocação pelo Whatsapp. Além disso dá para ver nas imagens da televisão que, no máximo, havia 50 deputados rodeando o presidente, quase todos do baixo clero, de peso ali via-se o Líder do Governo, André Moura (PSC-SE) e o Líder do PMDB, Baleia Rossi (SP), além do ministro Eliseu Padilha, nem Moreira Franco apareceu. 
Outro fato é que num levantamento do Globo com os 66 integrantes da Comissão de Constituição e Justiça, que vão analisar a denúncia da PGR, apenas 4 assumiram publicamente que vão votar ao lado de Temer. O que Temer quis que fosse uma demonstração de força e apoio mostrou justamente o contrário, que conta cada vez com menos aliados. Aliás, até acontecer a votação em plenário perderá muitos mais pelo caminho. Podem apostar. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...