sexta-feira, 28 de julho de 2017

Cuidado! O pedófilo transida no meio familiar sem despertar suspeita

Nessa operação, foram presos, entre outras pessoas: um médico, um estudante e um senhor com mais de 80 anos.

Esta semana a imprensa publicou detalhes de uma operação da Policia Federal, ou seja, a segunda fase da Operação Glasnost na qual 350 agentes, cumprindo três mandados de prisão preventiva, dois de condução coercitiva (quando a pessoa é levada para depor) e 71 de busca e apreensão em 51 municípios de 14 estados, para desbaratar uma rede de exploração sexual de crianças e compartilhamento de pornografia infantil na internet.
Os tentáculos da operação alcançou os estados da Bahia Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Maranhão, Pernambuco ,Piauí, Pará e Sergipe. A primeira fase da investigação que teve inicio em novembro de 2013, quando foram cumpridos 80 mandados de busca e realizadas 30 prisões em flagrante por posse de pornografia infantil.
O pedófilo virtual, primeiro age ao vivo e depois compartilha as imagens com os seus cúmplices. Acreditem, as maiores vítimas estão entre crianças na faixa de 5 a 10 anos e o infrator, normalmente, é um(a): amigo da família; vizinho; cunhado; primo; padrasto e, muitas vezes, até o próprio pai. O Pedófilo é uma pessoa insuspeita e quase sempre trata as criança com carinho, dá presentes, fazendo até com que as pessoas digam sempre: “fulano(a) gosta muito de fulaninho”.
Quando na família você escutar essa frase com muita frequência, desconfie, o PEDÓFILO PODE ESTAR ALI, BEM PERTINHO DE VOCÊ. Agora, se o relacionamento familiar for aberto e não acreditar que isso existe, deixe acontecer, mas fique certo(a) de que, no momento em que o fato for descoberto, você também será responsabilizado (a) por ser cúmplice de pedofilia. 
Operação “Glasnost”?
O nome da Operação, “Glasnost”, é porque a mesma faz referência ao termo russo que significa transparência. A palavra foi escolhida porque a maior parte dos investigados utilizava servidores russos para a divulgação de imagens de menores na internet e para contatos com outros pedófilos ao redor do mundo.

Um comentário:

Anônimo disse...

Quando se fala em pedófilo, a primeira imagem que vem em minha mente é a desse sujeito. A segunda é de padres.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...