terça-feira, 18 de julho de 2017

Gleisi exagera, cai na real e surta; agora teme consequências; Prisão a assusta.

PT e sua Saga do Cobertor Curto; em franca decadência convive com o pipocar de problemas, Gleisi é a bola da vez.
Ganância de Poder, total falta de limites ou conceitos éticos; caracterizam personalidade de Gleisi Hoffmann.
Capaz de se expor ao ridículo pra aparecer em fotos ao lado do Poder, chegou ao Senado com apoios mal explicados e caminhos tortuosos.
Entrou em declínio por erros cometidos; desencantou eleitores.
No Partido, vista como figura inconveniente e mal necessário, é manipulada à distância.
Faz o serviço sujo, se expõe e queima o próprio filme; entre suas raras virtudes, bom senso não se manifesta.
Hoje se resume em persona no grata, difícil de descartar.
Com Reeleição ao Senado totalmente descartada, configura mais uma mácula, no já detonado calcanhar de Lula (que o Grande Aquiles perdoe a blasfêmia). 
Nem o PT à quer como Candidata. Seu histórico colocado em Campanha queimaria o Partido no Paraná, mesmo com o esforço de Requião, em dar sobrevida à Legenda em seu Estado.
Lula se viu enrolado. Conhecia como ninguém a Bomba Relógio. Gleisi não admitiria descarte e certamente traria problemas.
Solução encontrada foi mudar os planos e trair Lindbergh, o escolhido pra suceder Rui Falcão na Presidência de fachada do PT; "Lindin" é mansinho e mais fácil de mandar deitar e rolar.
Feliz com o cargo, sentindo-se a Rainha da Dinastia decadente, desapegada à Cadeira no Senado e certa da blindagem, tornou-se, mais uma vez, a inocente útil da vez; usou e abusou da imunidade parlamentar e meteu os pés pelas mãos. Pegou pesado e agora está assustada.
Corre risco de ser cassada por improbidade. Mesmo que escape, o tempo passa; imediatista, não pensou no futuro. Mandato chegará ao fim. Ofensas a Moro e ao Judiciário ultrapassaram limites e o Juiz é do Paraná.
PT percebeu o Campo Minado e não moverá uma palha em favor de Gleisi. Inicia agora luta desesperada pra se eleger Deputada Federal, meta também vista como complicada de atingir.
Se não mantiver imunidade, ficará por conta própria.
A Loira demorou pra entender ter cavado a própria cova. Buscou apoio na cúpula, percebeu indiferença no tratamento e surtou, deixando claro:
- Não pensem que sou chinelo velho, que se usa e joga fora. Eles sabem do que sou capaz.
Diante da pressão recebeu o conselho de sair de cena; difícil imaginar a Perua longe de holofotes, mas parece que, por medo da cadeia, dará prefixo e sairá do ar; agora é tarde.
Se já está com nervos à flor da pele, imagine o quadro, quando souber; na cadeia não tem banheira com hidromassagem e banhos de sais.
José Romario Oliveira Filho

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...