segunda-feira, 3 de julho de 2017

Pra desespero de Lula, Álvaro Dias e Bolsonaro confirmam candidaturas.

Lula, conforme esperado, juridicamente confirma candidatura, mesmo condenado por Moro.
Após sentença da primeira instância poderá recorrer em Liberdade e perda de elegibilidade, só se condenado pelo TRF4 de Porto Alegre; possibilidade zero, por se potreiro PT.
Se por um acaso a maionese desandar, STF legaliza a salmonela.
Vitória na Lei, derrota no campo moral. Desmascarado e desmoralizado, convive com aumento de rejeição e falta de apoio e chances de vencer 2018 se tornam nula.
Lula surtou diante do surgimento de novo Partido; o Podendo.
Pesquisas apontam Álvaro Dias e Bolsonaro, como virtuais favoritos ao segundo turno e PT começou ataques sistemáticos aos adversários.
Contra Bolsonaro desqualificação giraria em torno do vendê-lo como Ditador Radical de Extrema Direita, com alusão à Hitler.
Já pra Álvaro Dias tática se concentrava em usar o PV, partido do candidato, pra mobilizá-lo; levou o contra golpe.
Álvaro, que não vem pra brincar, criou o Podendo; Partido que nasce com 14 Deputados Federais, dois Senadores (Romário e ele) e com a certeza de crescer ainda mais.
Campanha começa a tomar forma e, apesar da mobilização de fakes na Internet, fortunas gastas em marketing e vergonhosas pesquisas padrão Folha, Lula acabou.
No corredores do Legislativo cresce a certeza que boa parte dos parlamentares PT, migrarão para o Podendo, formalizando debandada e racha da Estrela Podre.
Congressistas priorizam suas reeleições; vincular imagem a Lula hoje queima filme e nova legenda nasce sem passado.
Bolsonaro x Álvaro Dias; essa disputa promete.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...