domingo, 6 de agosto de 2017

Primeira prisão por estupro virtual no Brasil é decretada no estado do Piauí

Por intervenção do juiz Luiz de Moura, da Central de Inquéritos de Teresina, a Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática-D.R.C.I. iniciou há cerca de alguns meses atrás uma investigação acerca da prática de um estupro virtual.
No caso, o investigado, utilizando um perfil fake da rede social Facebook ameaçava exibir imagens íntimas da vítima, exigindo desta o envio de novas fotografias desnuda e até mesmo introduzindo objetos na vagina e/ou se masturbando.
O juiz Luiz de Moura, da Central de Inquéritos de Teresina, determinou ao Facebook que fornecesse as informações acerca do usuário do computador utilizado para a prática do crime. A empresa prontamente atendeu a ordem emanada da Justiça e após identificado o acusado, foi determinada sua prisão.
Central de Inquéritos de Teresina

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...