sábado, 12 de maio de 2018

Joaquim "quinzão covarde" Barbosa "batia em mulher e era autoritário" diz Jornalista Madeleine Lackso

 
Após as recentes notícias de que o ex-ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal, disputaria a eleição presidencial pelo PSB (Partido Socialista Brasileiro), a jornalista Madeleine Lackso, em um de seus comentários no canal oficial da Gazeta do Povo, não poupou críticas e fez árduas revelações sobre a conduta do ex-presidente do Supremo. “Eu convivi com ele durante dois anos. Joaquim Barbosa é daquele: ‘Jesus te ama porque não convive com você’. Em outro ponto, a jornalista ainda rememorou quando o ex-ministro, em 1985, agrediu sua ex-mulher: “A minha opinião sobre gente que bate em mulher é: pode se recuperar e conviver em sociedade depois do tratamento? Pode. Mas ser Presidente do Brasil, não pode”. 
Madeleine, que já trabalhou no Supremo Tribunal Federal, quando assumiu a Coordenadoria de Rádio da Corte, em 2008, também revelou que Joaquim Barbosa “era autoritário com os demais colegas e era uma vergonha como ele agia com os funcionários“. Segundo a jornalista, a pretensão do ex-ministro de disputar o planalto “só prova que têm muita gente sem noção na nossa política". Para ela, uma possível candidatura de Barbosa não se sustentaria por muito tempo. “É uma candidatura que não vai aguentar meia-hora de exposição da personalidade dele”, finalizou.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...