terça-feira, 26 de junho de 2018

'A mais nefasta Fake News propagada pela grande mídia é a sua alegada isenção jornalística', diz procurador

O procurador Aílton Benedito ironizou a "cruzada" da grande mídia contra as chamadas "fake news": "A mais nefasta Fake News propagada pela grande mídia é a sua alegada isenção jornalística na divulgação de notícias, as quais, invariavelmente, atendem a desígnios ideológicos, políticos, econômicos, sociais etc. de governos, empresas, partidos, ONGs e, inclusive, jornalistas". 
Benedito exemplificou: "Exemplos de Fake News em aparente 'notícia' isenta, mas, a bem da verdade, marcada por manipulações ideológicas, políticas, econômicas, sociais etc., são fartos. Aborto, drogas, assassinatos de homossexuais, crianças e pais que entram ilegalmente nos EUA, tirania de Maduro etc".
Folha Política

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...