sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

João Santana, que reinou no Palácio do Planalto, foi condenado a 8 anos de xadrex

O marqueteiro João Santana que conduzia a ex-presidente Dilma Rousseff, pela mão e pelos sonhos no labirinto da política, começou a sentir o peso as garras da Lava jato.
Segundo a imprensa, nesta quinta-feira, o juiz federal Sérgio Moro condenou o marqueteiro do PT João Santana, também conhecido como bobo da corte entre os corruptos, junto com a sua mulher, Mônica Moura, pelos crimes de lavagem de dinheiro no esquema de corrupção na Petrobrás, alvo da Operação Lava Jato. Os dois foram condenados a 8 anos e 4 meses de prisão.
A proferir a sentença, escreveu o Moro: “Entre os nove crimes de lavagem, reconheço continuidade delitiva. Considerando a quantidade de crimes, elevo a pena do crime em 2/3, chegando ela a oito anos e quatro meses de reclusão e cento e oitenta dias multa”

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...