quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Lula nadando na areia movediça ✰ Artigo de Marcelo Aiquel

O ex-presidente LULA da SILVA enfrenta um verdadeiro mar de areia movediça, pois, quanto mais se mexe, mais afunda rumo ao seu fim.
Um final melancólico para alguém que experimentou, até poucos dias, uma enorme popularidade e uma fortuna incomensurável.
Mas, este fim foi mais do que anunciado! Seja pela arrogância sem limites daquele que chegou ao ponto de se “autodeclarar” o ser vivo mais honesto da nação. Quiçá, do planeta terra...ouseja pela ganância desmesurada e a sua soberba interminável.
Como o urso que encontrou um pote cheio de mel, ele “lambuzou-se” nas relações mais promíscuas sempre na busca do lucro fácil.
E, igualzinho a um “piá” pego de calças arriadas, dá as desculpas mais ridículas para justificar o que as provas mostram uma evidência gritante.
“Chora” e “lamenta-se” copiosamente à procura de clemência, esquecendo-se de que a misericórdia só alcança aos bem aventurados.
Atributo que seu caráter jamais conheceu, haja vista a forma agressiva como reage quando se sente pressionado.
Ele nada mais é do que a “jararaca” que assume para amedrontar aos incautos que o veneram e idolatram.
Agora, sem outro argumento plausível diante das dezenas de acusações que o atingem, se esconde escandalosamente atrás da grave enfermidade da sua esposa, a quem não respeitou jamais.
Posando de vítima e com um coitadismo exacerbado, ele tenta atrair a piedade do povo que lesou.
Triste fim para um personagem caricato que abusou da inteligência de pessoas humildes, à base de discursos e promessas populistas e demagógicas.
Enterrado até o pescoço na areia movediça que o está engolindo aos poucos, sequer tem a dignidade de aguardar com humildade o seu fim.
Vai ficar na história do Brasil como o maior embusteiro que o país conheceu!
Marcelo Aiquel advogado, Porto Alegre RS

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...