quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Será que esse tal de aneurisma pega?

Eduardo Cunha disse a Moro: "eu tenho um aneurisma como o de Marisa Letícia”.
Durante a audiência, que se estendeu por pelo menos, três horas Eduardo Cunha leu uma carta para o juiz Sérgio Moro na qual tinha o seguinte texto:
"Eu gostaria de dizer que eu também sofro do mesmo mal que acometeu a ex-primeira dama Marisa Letícia, o aneurisma cerebral. Aproveito até para prestar à minha solidariedade a família pelo passamento", disse o ex-presidente da Câmara.
O ex-presidente da Câmara é acusado de receber propina de contrato da Petrobras para exploração de petróleo no Benin, na África, e usar contas na Suíça para lavar o dinheiro. Preso, em Brasília no dia 19 de outubro, o corrupto, Eduardo Cunha está detido no Complexo Médico-Penal em Pinhais, na Região Metropolitana da capital paranaense.
E além da suposta doença, Cunha disse também, que “o presídio onde está preso não tem a menor condição de atendimento, se alguém passar mal. “São várias as noite em que presos gritam sem sucesso por atendimento médico que não são ouvidos pelos poucos agentes que lá ficam à noite”.
Esse, é o preço pago pela vida de centenas de brasileiros que morreram nos fétidos hospitais do SUS, por falta do dinheiro roubado para custear o luxo da família Cunha e adjacência.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...