quarta-feira, 8 de março de 2017

O brasileiro, até que enfim, descobre para que serve o STF

 
O vértice da pirâmide, apesar de podre e sujeita a desmoronar, NÃO QUER BOLSONARO NO PALÁCIO DO PLANALTO, mas aceita a volta do famigerado “Lula Brahma”.
O Deputado Jair Bolsonaro entre todos os políticos é um dos únicos a não ter recebido propina vinda do Petrolão ou qualquer outra empresa. Bolsonaro, sendo excluído do saco de farinha podre, que, diuturnamente, afunda o país, mesmo sendo monitorado pela Operação Lava Jato, sobe nas pesquisas de opinião para concorrer e ser um forte candidato a Presidente da República em 2018. Todavia, o deputado tem um defeito imperdoável. Ele é MILITAR e, em algumas oportunidades, já demonstrou ser linha dura e isso, corrupto não gosta.
O problema é que a máfia não pode ouvir falar que ele está subindo nas pesquisas, que fica atordoada desesperada e insone. Aí, arrumaram essa tal de Maria do Rosário do PT, para ser instrumento de desestabilização do ex-capitão do Exército e um dos deputados mais votados no estado do Rio de Janeiro, na última eleição.
De posse dessa denuncia idiota, o STF que, provavelmente, também não quer Bolsonaro no Palácio do Planalto, deu um nó, o transformou em réu e, brevemente, poderá até cassar o mandato dele. Contudo esse tribunal não faz o mesmo com os políticos corruptos, que de tanto ter seus processos engavetados na Corte de Carmem Lúcia, ficam felicíssimos quando o mesmo prescreve e eles não são molestados
Agora, “Dom Lulone”, que além de ter uma porção de processos, chamou a Justiça de acovardada e ainda mandou o MPF enfiar um dos seus processos no C... Esse, senhores, nunca será preso e, diante dos olhos vendados da Justiça injusta, é possível até que seja reeleito Presidente da República. Creiam! Esse país é nojento! E o cidadão honesto, tem vergonha de ser brasileiro.
Segundo a imprensa, por decisão unânime, os ministros da 1ª Turma do Supremo Tribunal (STF) rejeitaram recursos do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) nesta terça-feira, 7, e ratificaram a abertura de ação penal contra o parlamentar, que vai responder como réu pelos delitos de incitação ao crime de estupro e injúria, por ter, após ter sido chamado de estuprador, gritou no plenário que "não estupraria a deputada federal Maria do Rosário (PT/RS) porque ela não mereceria". VEJAM QUE COISA MAIS IDIOTA!
No julgamento da denúncia, os ministros já haviam afirmado que a imunidade parlamentar não deveria ser considerada. “Não acho que ninguém possa se escudar na imunidade para chamar alguém de negro safado ou de gay pervertido. A imunidade não permite essa violação à dignidade das pessoas”, disse o ministro Luís Roberto Barroso. O relator do caso, ministro Luiz Fux, afirmou que as declarações do deputado sobre Maria do Rosário são “reprováveis” e “geram indignação”.
E aí, você vai rir, chorar ou gritar um palavrão sem limites, ofendendo Deus e o mundo?

2 comentários:

Anônimo disse...

É preciso observar que para estuprar alguém no mínimo é preciso que o estuprador tenha alguma "tesão" pela vítima escolhida. Ao dizer que jamais estupraria a deputada Maria do Rosário,Bolsonaro não quis dizer outra coisa a não ser que a citada deputada não lhe causava nenhuma "tesão". E por isso também não a estupraria Essa maldosa interpretação jurisdicional que estão dando ao caso só pode partir de um bando de idiotas ou gente muito tendenciosa. É exatamente nesse sentido que penso o mesmo que Bolsonaro. Dizer que esse fato seria uma apologia ao estupro só pode partir de algum estúpido. Essa Deputada,como mulher,também não me causa nenhuma tesão,e mesmo que eu fosse um estuprador contumaz,jamais eu optaria por essa Senhora para ser uma das minhas vítimas.Não ter tesão por alguém não é nenhum pecado
ou crime.Entenda-se "tesão" meramente como atração sexual.Sérgio A.Oliveira

Anônimo disse...

O QUE ME ESPANTA É A VELOCIDADE DO ANDAMENTO DESTE JULGAMENTO. STF COMUNISTA.
POR QUE ESTA BANDIDA NÃO FICOU EM CASA CUIDANDO DA FILHA, QUE ESTÁ NA BOCA DE TODO MUNDO. ESSA IMORAL.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...