quarta-feira, 5 de abril de 2017

O começo do rompimento de Sérgio Cabral e Pezão

No próximo dia 27, Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo se reencontrarão no aeroporto, quando estiverem embarcando para Curitiba onde prestarão depoimento ao juiz Sérgio Moro. 
Mas esta semana, certamente, marcará o início do rompimento entre Cabral e Pezão. É que Pezão foi arrolado como testemunha de defesa de Cabral e na quinta e na sexta prestará o seu depoimento, respectivamente ao juiz Sérgio Moro (por videoconferência), e ao juiz Marcelo Bretas, na Justiça Federal do Rio de Janeiro. Será um momento decisivo. 
Cabral quer complicar a vida de Pezão, mas não é para se livrar, afinal sabe que não tem mais volta. Trata-se de uma estratégia para o seu caso ser agregado a um processo de Pezão, o que o tiraria da Justiça Federal do Rio, das mãos do juiz Marcelo Bretas, passando para o STJ. Já Pezão não poderá ajudar Cabral em nada, caso contrário a culpa cairá no seu colo. Portanto Pezão tentará livrar sua cara e jogar a culpa de tudo em Cabral. 
Como dizia Lulu Santos, "nada do que foi será do jeito que já foi um dia". Vai ser cada um por si e o outro que se vire.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...